Coluna: Um mapará remoso

Meu palpite era de vitória do Remo por placar insuficiente para se classificar às finais do turno. Fiquei no meio do caminho. O Cametá, com impressionante aproveitamento nos contragolpes, fez desmoronar no segundo tempo o esquema ofensivo de Paulo Comelli. O empate premiou a correta postura dos visitantes no 2º tempo. Ao invés de esperar a pressão remista pelo terceiro gol, resolveram explorar as brechas defensivas do adversário. Deu certo. Do lado azulino, faltou sustança e fibra para consolidar no tempo final o triunfo construído nos primeiros 45 minutos.
Como se esperava, foi um duelo interessante, com estratégias bem definidas e momentos eletrizantes. No primeiro período, o Remo dominou amplamente, estabeleceu 2 a 0 e poderia até ter feito o terceiro se contasse com um centroavante típico para explorar os diversos cruzamentos sobre a área. Na ausência desse especialista, optou pelo rodízio de meias e alas rondando a área adversária. Às vezes, até dá certo, mas vira um imenso problema quando há necessidade de goleada. 
Tiaguinho foi o grande nome no período inicial, entregando-se à batalha com disposição e técnica. Fez um golaço em cobrança de falta e comandou as ações no meio-campo. Tiago Marabá também tinha boa movimentação, Elsinho e Marlon cumpriam seu papel e a zaga se manteve atenta. Quando o primeiro tempo terminou, o Remo esbanjava confiança e parecia que o desafio estava bem perto de ser alcançado.
Talvez aí tenha havido o grande equívoco de Comelli. Era previsível que o Cametá iria ter espaço para contra-atacar. Diante disso, tornava-se obrigatório reforçar a cobertura da zaga. A casa começou a ruir logo de saída num ataque forte, de rápida troca de passes entre Robinho, Mocajuba e Leandro Cearense. Jailson marcou, complicando os planos azulinos.
Ainda havia tempo e condição para fazer os dois gols necessários para classificar, mas faltava fôlego. Com os laterais extenuados pela correria e os volantes Mael e San sobrecarregados, o esforço para atacar ficou comprometido pela ausência de combatividade na meia-cancha.
 
O Remo atacava, mas nunca conseguia ficar com a chamada segunda bola. Passava a prevalecer a barreira defensiva do Cametá, liderada por Wilson, que se manteve firme mesmo depois do penal no primeiro tempo. Mais à frente, Robinho controlava bem a saída e lançava todas para Leandro Cearense, sempre desmarcado, como já havia acontecido no primeiro confronto. O Remo já tinha Fininho e Ró, que substituíram Tiaguinho e Marabá, mas a construção das jogadas estava completamente destroçada. O time já vivia de ações individuais meio desesperadas. 
Quando ensaiava nova pressão, o Remo foi surpreendido pelo gol de empate, em contragolpe mortífero puxado por Leandro Cearense. Abalado e sem alternativas, o time abriu ainda mais a guarda. Com esforço, chegou ainda ao terceiro gol, em outro pênalti convertido por Morisco, mas Cearense liquidou todas as esperanças já nos instantes finais em lance idêntico ao do segundo gol. Moral da história: Cametá classificado, com a contagem final de 7 a 4. Goleada impiedosa, incontestável e justa.

(Coluna publicada na edição do Bola/DIÁRIO desta terça-feira, 15)

69 comentários em “Coluna: Um mapará remoso

  1. – Impressionante a quantidade de ex-jogadores de Remo e Paysandu que atuam no Cametá. Um sucatão, que eliminou o Remo.

    – Cametá marcou sete gols em dois jogos, demolindo o mito da “muralha” remista.

    – Quando Marlon e San estão marcados, o Remo só faz gol de bola parada, como ontem. O time é dos mais limitados. O esforço para fazer dois minguados gols deixou o time extenuado. Já nem se discute mais que seja pior que o de 2010…

    – Remo segue em sua derrocada, nos passos da Tuna. É o quinto turno consecutivo que perde. Foi humilhado em Cametá e pela primeira vez um time do interior o elimina dentro do Baenão.

    – Cardeais também seguem os passos de AK, acumulando recordes negativos. Criticaram tanto… e agora?

    – Última chance de se classificar para a quarta divisão será o segundo turno. Caso contrário, só vai restar a QUINTA DIVISÃO em 2012 – estranho que tal coisa passe despercebida de todos. Será que é para não dar desespero nos remistas?…

    1. Tem razão na maior parte das observações, caro Lins. Quanto à última, obviamente todo mundo sabe desse risco e com certeza o tema passa agora a ser objeto de discussão permanente no clube.

      1. Gerson e amigos, quanto ao jogo de ontem, o Remo jogou um bom 1º tempo e, como tinha falado, ficava preocupado com a marcação do Mael no Robinho, que já nos 15 minutos finais largava a toda hora e era chamado a sua atenção pelos seus companheiros.
        2º TEMPO:
        Te dizer…
        1- Se o Comeli, no vestiário, tinha percebido(e deveria, pois está cara a cara com os jogadores) percebido que o Mael já não aguentava continuar na marcação, que colocasse o San na marcação do Robinho;
        2- O Remo tinha 4 jogadores que se arrastavam em campo, logo no inicio do 2º tempo: Thiaguinho, Leo Franco(depois daquela queda, penso que sentiu), Thiago Marabá(não entrou no jogo) e Pardal. Sobrou para o Pardal, que, mesmo cansado, teve que ficar no jogo, daí terem pegado no pé dele, pois se movimentava muito bem, dando muito trabalho a defesa adversária, mas errava muitos passes, por não ter mais pernas e, alguns comentaristas não atentaram pra isso, preferindo jogar o mesmo contra a torcida.Penso que seria o mesmo que deixasse um dos 3 que saíram, até o final do jogo, aí, esse seria o sacrificado. É como falei, o Pardal, dos homens de frente, é o menos pior, mas tem muitos jogadores, que não tem as mínimas condições de jogar no Remo, inclusive o Técnico;
        3- O Remo perdeu essa classificação para o técnico, que não soube fazer a leitura correta do time do Cametá no 1º jogo e se atirou pra frente, sem a preocupação em anular o Robinho e o Leandrinho, mesmo ainda no primeiro tempo daquele jogo e, deu no que deu.
        – Penso que o Remo tem que trocar urgentemente duas coisas, se quiser ter sucesso: Seu Diretor de Futebol e o Técnico.
        – Fico a pensar naqueles que defendiam ser uma SORTE(imaginem) do Remo que o Comeli aceitou treinar esse time. Ou, a mais recente bobagem(não sei da onde eles tiram essas coisas. Te dizer..) “O REMO DEVE MAIS AO COMELI, DO QUE O COMELI AO REMO”. Égua, mais vou te contar, mas ninguém respeita mais o Leão, mesmo. Fico pensando que do jeito que está, um dia o Fran Costa, vai pensar se aceita uma proposta milionária para treinar o Remo, tal a avacalhação que tratam esse clube. Vou te contar…
        – Amigos, o Cametá não fez nada de novo no 2º tempo, apenas o Remo largou toda marcação e, o Cametá apareceu no jogo, coisa que não fez no 1º, por ter sido bem marcado. Aliás, no último gol, o passe do Robinho para o Leandro Cearense, só fez coroar sua excelente apresentação.
        – CRAQUE DO JOGO: ROBINHO – Um jogador desse nas mãos de um Givanildo, é pra crescer na carreira e ter sucesso, assim como tiveram: Vanderson, Sandro, Valentim,…….
        – Deu pra perceber, pelo jogo de ontem, que o Leandro e o Jailson, são atacantes muito perigosos, mas sem Robinho, eles não existem.
        Pior do Jogo(que espero ter sido o último): Paulo Comeli – Na minha opinião, penso foi uma sorte pra ele ter o Remo em seu curriculum e, hoje, deve mais, muito mais mesmo, não só ao Remo como aos seus torcedores, do que o clube e torcedores, a ele.
        – É a minha opinião.

      2. Em tempo( diria o Berlli): o 1ºgol do Remo foi do Leo Franco, cobrando falta. Acredito que o amigo Gerson tenha se equivovado.

      3. Amigo Cláudio,
        bem que eu disse pra vc que acreditava em curupira!!..rsrsr!

      1. O pior disso tudo amigo e, que foi para esse time ruim que perdemos! Pode uma coisa dessas?

  2. Poucos notaram que, após o Re x Pa, o Remo sofreu uma acentuada queda de rendimento. Nos últimos quatro jogos, venceu apenas um: empatou de forma decepacionante com a Tuna, ganhou sem merecer do Independente, foi goleado pelo Cametá no 1º jogo e ontem empatou, com flagrante queda no rendimento físico. Ano passado ocorreu a mesma queda de redimento, após um início de goleadas. Mas ano passado o time era velho, ao contrário do time deste ano, cheio de jovens…

  3. Torci muito pelo “leião”, pois a parada seria mais fácil (lembram ano passado?), mas…fazer o que? Agora é encomendar o açaí.

  4. KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK…..Eu não consigo parar de rir……7 gols em dois jogos…..Que piada….KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK…….Égua do time ruim…….KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  5. Há que se estar preparado para um dos 3 resultados possíveis no futebol. O problema do Remo, como todos sabemos, não é de agora. A questão maior não se resume nas atuações irregulares do time de futebol; este é apenas a ponta do novelo, a parte visível. As dificuldades partem da estrutura de apoio, iniciando pelo modelo de administração ultrapassado, daí querer se esperar que, por um lance da sorte, se acerte de uma hora pra outra tudo que está de errado é brincar com a história do clube e com o amor que devotam milhares de aficcionados. Para se voltar a ganhar títulos precisa de um bom elenco e bons profissionais de apoio; para se ter um bom elenco e bons profissionais, se precisa de dinheiro; mas existe uma dívida enorme que precisa pelo menos ser amortizada e para isso se precisa de dinheiro, mas como o clube praticamente depende das bilheterias, mas estas não vão dar retorno se não vierem vitórias e títulos; os títulos não virão se não existir um bom elenco; e bom elenco não existirá se não tiver dinheiro. Solução: vende um patrimônio, paga a dívida, monta uma estrutura profissional (incluindo a contrapartida ao associado, que bancará o clube), e com isso trará as condições de se contratar ótimos elencos e uma grande equipe de profissionais de apoio, e só assim os títulos voltarão. Não adianta ficar contando com a sorte, nem vai cair do céu um papai noel com muito dinheiro para doar ao clube.
    BOM dia a todos do blogue.
    Hoje, dia 15 de março, é o dia da Escola.
    PENSAMENTO de hoje: ‘SE O CONHECIMENTO pode criar problemas, não é através da ignorância que podemos solucioná-los.’ Isaac Asimov

    1. Ficaria perfeito assim:
      Se a Ignorância cria problemas, é com conhecimento que devemos solucioná-los. Ai encaixa muito bem em tudo que voce postou para resolver o problema do Remo.

  6. Gerson, me impressionou a arrumação tática do Cametá, o time não correu muito, não foi de muita pegada, jogou com certa tranquilidade até, com personalidade. Papão vai ter que jogar muito para levar esse 1º turno.

  7. Temos que reconhecer os méritos do Cametá. Ontem na minha opinião fez uma partida perfeita. Deixou o Remo correr no 1º tempo para cansar, correu riscos levando dois gols, mas no segundo tempo matou a pau e Comeli facilitou com as 3 substituições de uma só vez. Erro maior foi esperar o Pardal cantar. Na verdade o Remo precisa na direção técnica do time o professor Pardal. Em resumo o Cametá ´um time competitivo e pode levar o turno, Por que não? Nem ficareia aborrecido caso aconteça, pois quem menos perde com isso é o papão. Até motivaria o 2º turno. Caso a pensar.

  8. Qual a postura do Cinturão de Aço ?

    O Remo tem 03 semanas para decidir seu futuro, o cinturão de aço de maneira criteriosa tem que analisar esse 1 turno, porém quais as análises a serem verificadas ?

    1) Ataque, o cinturação de aço perdeu esse turno pelo ataque.
    2) Treinador, Comeli e um bom treinador mais não está com as peças solicitadas e precisa baixar a bola e ter mais humildade em relação aos adversários. Já que gosta de jogar com 02 alas do meio pra frente, então que trabalhe melhor essa cobertura. Falhou na estratégia nos 02 jogos.
    3 ) Qual o verdadeiro papel do Bracali, ser cumprade do Comeli ou procurar profissionais a altura da camisa do Remo.
    4 ) Cinturão de Aço correr atrás de verba e realizar contratos de riscos, porque a margem de erro aumentou perdendo esse turno.
    5 ) O Remo tem 18 pontos e o Cameta 12. Espera a decisão, mais acredito que PSC leva tranquilo.

  9. Quanto ao Ítem 5. Os remistas não podem ter esse pensamento, pois sempre dizeram que o time é velho, cansado e não tem defesa.
    Agora achas que ganha traquilo? Deve ser palavras geradas por uma intranquilidade pelo momento do Remo.

    1. Está relacionado aos remista, entendeu? Não são os bicolores que disseram. Mas tú és água de açai mesmo. Te contar.

    2. Engraçado que ainda quer pagar de galo, ei bixo, acabou filho, ah sei, estas com a espinha de mapará atravessada na garganta KKKK

    3. Não esquente com o clone. O cara só leva pau junto com o Leão e aí brota sofrimento em palavras como nestas partipação do supérfluo.

  10. O Comelli recuou o time no segundo tempo, se o Leão jogasse sufocando com o mesmo futebol que jogou o primeiro, esse time não tem teria nem o prazer de fazer um gol se quer. Mas que falta de sorte do Leão nessa noite, além dos dois gols foram duas bolas na trave, que não entraram por não quizeram. Agora só resta consertar os erros, ainda acredito com nunca nesse time, o Cametá foi o único a derrotá-lo e todos sabem em que circunstâncias o mapará fez esse resutado, até gol impedido teve, mas deixa pra lá agora é pensar no segundo turno.

  11. Outro clone sonhador. O Leãozinho só não perdeu por causa daquele penalti arrumado. Outra, cansou no segundo tempo, talvez com um cilindro de oxigênio nas costas de cada jogador resolvesse a parada. Vai chorar bem longe que coisa chata é choro de criança. Te contar.

  12. Mas essas crianças estão que não se aguentam, deve ser pq o time dentadura não teve o prazer de ganhar do Maior do Norte, o jeito é vibrar com outro time já que o dele não ganha, no segundo turno a coisa vai ser diferente.

    1. Mas tú és mesmo fora e série. Tens é que torcer para o papa título senão a vaga a série D já era. Quem manda o time ferredura não se garantir.

  13. Gerson

    Apesar do bom futebol apresentado pelo Robinho e Leandro Cearense,penso que o teste desses atletas é quando tiverem a oportunidade de vestir a camisa de remo e paisandu,boa parte dos atletas que nos ultimos anos se destacaram nas equipes pequenas não tiveram o mesmo desempenho nos grandes.

    O Ró é o exemplo mais recente,jogadores que recentemente foram considerados verdadeiros craques pela imprensa especializada como o Michel ex são raimundo não conseguem emplacar quando vestem a camisa de um time grande. E não se pode falar de falta de oportunidade,jogar com pressão é outra coisa,portanto menos com o Leandro Cearense e o Robinho,só o tempo vai dizer se esses atletas realmente tem algum futuro

  14. Gerson não sei se vc concorda comigo, mas penso que no segundo turno os jogos do Leão deveriam ser todos no Mangueirão, ontem quando cheguei ao estadio percebi que o número de torcedores que ficaram sem ingressos daria para encher outro estádio do mesmo tamanho do Baenão, não é possível que a diretoria não perceba isso, estão perdendo dinheiro ou eles pensam que o torcedor do Leão é igual ao vizinho torcedor de sofá.

  15. O “grande” Leão comeu muito Mapará “nanico’ ontem e teve congestão instantânea. Quando será que aprenderão que a solução para os males dos times do Pará é caseira e está aqui mesmo, perto de nós. O problema é que poucos querem ver isso. Te cuida papão!

    1. Respeito a opinião do amigo Von, mas penso diferente, pois, se Leão e Papão estão como estão, foi por infiltrarem em seus elencos, jogadores e técnicos locais. A História de Remo e Paysandu nos mostram que suas maiores conquistas, foram quando tiveram em seus comandos, bons técnicos e, de fora. Com grandes técnicos em seus comandos e ele escolhendo alguns jogadores locais, aí sim, pode dar caldo, como aconteceu anteriormente, com vários deles. Veja por exemplo, que na Tuna, o Welthonm que pra mim é craque, as vezes não vai nem no banco da Lusa, mas já está sendo assediado pelo Grêmio. Sabe o que é isso? Competência técnica, ou seja um vê uma coisa, que ooutro não consegue enxergar, pelo simples fato de não saber treiná-lo e passar orientações para que ele cresça profissionalmente, diferentemente aconteceria, se a Tuna tivesse esse bom técnico a que me refiro. No Remo o Jhones tem uma agenda, em que ELE viu o jogador e ELE avalizou o jogador e, pensa entender que são bons, no que penso ser um absurdo. Prefiro jogadores indicados por um bom técnico.É a minha opinião.

      1. Uma coisa é indiscutível, Charles no comando bicolor em 2010 fez o GIBA de gato e sapato, este Ano o FRAN está deixando tonto o COMILLI.

      2. Quem é este jhones que agenda esses jogadores? As indicações não são feitas pelo Comeli? Eu não acredito…

  16. E agora? O que falar dessa diretoria que, apesar de ser denominada de vencedora, nada ganhou até agora, sem falar no inicio em Suriname. Como podem pagar R$ 26.000,00 ou quase isso a um goleiro que só vive no banco e dispensar o Adriano. Um meio campo que apenas um jogador consegue às vezes armar jogada, que é o Tiaguinho. Ter o Diego Barros no banco e ter como titular um zagueiro nervoso que parece nunca ter jogado em um time de torcida (nº 3). Ter um ataque que não conseguiu marcar nenhum gol durante todas as partidas do primeiro turno. Ta de brincadeira. Eu tenho pena é de alguns torcedores que se deixaram se iludir e ainda se iludem com alguns comentários da imprensa. Não podemos engravidar o torcedor com noticias sempre agradáveis só pelo fato de ter no Remo, na diretoria, pessoas ligado a imprensa. Os únicos jogos que o Remo jogou bem foi contra o São Raimundo, que estava sem 5 titulares, e contra o Rival que fez naquele jogo a pior apresentação. Ontem, provaram-se mais uma vez que o Baenão está defasado. Eu que sou sócio, quase não consigo entrar pelo portão que da direito a entrada de sócio. Brincadeira!! Agora, teremos que fazer de tudo para ganhar o segundo turno pelo menos para conseguirmos pelo menos uma vaga na copa do Brasil. Será que novamente teremos que ficar feliz, ou melhor, nos contentar apenas com as catástrofes bicolores. Temos que rezar para que a diretoria de uma reviravolta e traga jogadores de qualidade.
    Abraço a todos.

  17. Ontem quando faltava 10 min para o fim da partida , eu e meu namorado fomos para a frente do Baenão (idéia dele) só para ver os sofredores sairem do chiqueirão, no inicio não gostei da idéia, mas depois foi muito engraçado, a revolta era geral, tinha um tiozinho ao meu lado chorando “esse leião é só mancada” outros xingando o tecnico, etc… passou um gritando “queria pegar alguem da Terror agora e meter a porrada para aplacar minha raiva” , passou a remoçada e NUNCA VI TANTOS MALACOS JUNTOS, SÓ A NAIPE DAQUELA GALERA ME DAVA MEDO hehehehe Olha que sempre frequentei estádios, mas a torcida remista que vi ontem era só “caras sinistras” pareciam todos foragidos do Presídio, te dizer…

    O filho bastardo da piriguete Glória com o cornoTriunfo só podia mesmo se engasgar com a espinha de mapará, esse time parece cavalo de bandido, sai na frente mais chega atras
    hehehehehehehehehehehehe

    1. rsrsrsrsrsrs
      Pô Andreia,
      tú é casca grossa mesmo neh?
      eu bem que queria ter presenciado essas cenas.

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      1. Sem exagero nenhum, deu medo uma hora, só gente mal encarada, é pq moro em São Braz perto de Baenão e Curuzu e não resistir em dar uma espiadinha na saída do jogo, mas foi idéia do meu namorado, outro Bicolor fanático hehehehe.

  18. Inicialmente, ao Cláudio Santos, que ele deve ter visto outro jogo. É sempre bom lembrar que ver o jogo na televisão e ao vivo são coisas bem diferentes, principalmente vendo a movimentação dos atletas.
    O principal erro do Comelli foi de ter apostado no Pardal e depois do Ró. Ele insiste em jogar com atletas de mais movimentação do que um que fique mais na área jogando só como matador.
    A queda de rendimento do remo nos últimos jogos se deram pela ausência do thiaguinho e do thiago marabá e bastou eles voltarem que o futebol melhorou. No segundo tempo, eles sentiram sairam e o remo voltou a ser um time bagunçado.
    Ainda citaram a questão do mael não estar mais acompanhando o robinho, porém, este era um risco sabido por todos no remo porque sabiam que a qualquer momento ficariam sem os dois thiagos e com isso já eram 2 substituições e não poderia se queimar a terceira com um volante.

    1. Amigo Alan, é claro que quando vc está no estádio, acompanhando um jogo ao vivo, vc tem toda imagem do jogo, diferentemente de quando vc assiste pela tv. Acontece que tem pessoas que tem facilidade para ler uma partida, mesmo sendo na tv, muito mais que outras, mesmo essas estando no estádio e, eu, penso ter esse dom de saber ler uma partida de futebol, independente de estar no estádio ou na tv. A diferença é que no estádio, vc lê com rapidez e, na tv, vc precisa de um pouco mais de tempo e, de ter uma tv com tela grande, como eu tenho e, que facilita pra vc enxergar um pouco melhor.
      – Vc acompanha o blog, amigo para testemunhar que sempre disse que o Remo tinha um time e não um elenco. Disse também que o Thiaguinho vinha crescendo de jogo pra jogo e que era a melhor contratação feita pelo Remo, ao lado do Elsinho(esse, falei dele, antes dele chegar aqui. Está no blog). Logo, na hora que o Remo ficou sem o Marabá e o Thiaguinho(esse, muito mais) é claro que o Remo cairia de produção, recaindo naquilo que já tinha falado sobre não ter elenco.
      -Quanto ao Comeli saber que ficaria sem o Marabá e o Thiaguinho, o Comeli já sabia. O que ele não poderia esperar era que ficasse, também, sem o Leo Franco, que é outro que também marca, além de ligar com facilidade.
      – Aqui no blog, amigo, enq

      1. Aqui no blog amigo, enquanto o Gerson permitir, penso que todos podem postar suas leituras sobre determinados jogos, agora, sempre vou ficar com a minha. Desculpe, mas é a minha opinião.

      2. Nota:Quando digo que tem pessoas que tem dificuldade para ler uma partida, mesmo estando no estádio, não me refiro a vc, apenas estou falando de um modo geral.

    2. APESAR DE SER TORCEDOR DO PAYSANDU, SOU UM APAIXONADO POR FUTEBOL, E SAIREI EM DEFESA DO COMELLI, POIS ELE DEVE TER LÁ SEUS MOTIVOS PARA ESCOLHER E/OU PREFERIR JOGAR SEM UM HOMEM DE AREA (UM CENTROAVANTE), CADA UM TEM SUA PREFERÊNCIA, VEJA O CASO ATUAL DO FLAMENGO, QUE ESTÃ TENTANDO FAZER O WANDERLEI LUXEMBURGO, ACEITA A CONTRATAÇÃO DO IMPERADOR ADRIANO, MAIS O (LUXA) NÃO ACEITOU E DISSE QUE PREFERE JOGAR COM JOGADORES DE MOVIMENTAÇÃO, A EXEMPLO DO BARCELONA DA ESPANHA, QUE NÃO JOGA COM UM HOMEM FIXO, TEM ATACANTE SIM, MAIS DE MOVIMENTAÇÃO, NESTE CASO E O (DAVID VILLA) UM JOGADOR RÁPIDO.
      MAIS A DIFERENÇA E GRITANTE, EM COMPARAÇÃO COM OS JOGADORES QUE O REMO DISPÕEM, UMA COISA E VC TER NO TIME, UM DAVID VILLA, E OUTRA E VC TER UM (PARDAL, RO, MAX JARI) TODOS PERNAS DE PAU.
      NO MEU ENTENDER E MAIS PLAUSIVEL, SE JOGAR O FEIJÃO COM ARROZ, COM UM HOMEM DE AREA MESMO. MINHA OPNIÃO…

  19. Ainda ressalto que, já havia dito aqui antes, que uma coisa é cara querer ser ala e outra é achar que ele não possui responsabilidades no campo. Os alas do remo, o elsinho menos, não estão participando devidamente do processo de marcação. Vejam o replay do primeiro gol de ontem e o segundo do jogo de cametá, onde o marlon simplesmente olha a movimentação dos jogadores do cametá e nem sequer entra na área e somente fica olhando o jogador fazer o gol.
    Outro ponto importante foi a torcida. Assim, como o Comelli, a torcida azulina infelizmente fez um papelão. Antes do jogo, arrombaram o portão e invadiram o baenão. Eu quase não consegui entrar pelo portão de sócio torcedor. Assim que o cametá fez o segundo a torcida se calou e ficou praticamente muda o resto do jogo, sem dar o apoio devido para superar aquele momento do jogo. E por fim, atiraram um monte de latas e garrafas no Comelli quando ele estava deixando o gramado. Todos tem direito de reclamar, mas sem machucar ninguém.

    1. Vocês estão comentando um jogo ou alguns, mas o problema é bem maior, e não se resume à competência de uma diretoria ou até de várias. O modelo adotado é arcaico e precisa ser transformado; todavia, as soluções não são mágicas e todas elas passam pelo bendito din-din.

  20. A PÉSSIMA DIRETORIA DO REMO PRECISA TOMAR PROVIDENCIAS IMEDIATAS. OU VENCEMOS O SEGUNDO TURNO. NAO VAO DAR UMA DE LOP. PRECISAMOS DE POUCAS CONTRATAÇÕES QUE REALMENTE FAÇAM A DIFERENÇA. PRINCIPALMENTE NO ATAQUE. NA BILHETERIA A TORCIDA JA PROVOU QUE CORRESPONDE. VERGONHA NA CARA. QUEM NAO TEM TEM QUE SAIR.

  21. AFIRMEI QUE APOS AQUELA DERROTA DE 4X1, EU NAO TINHA MAIS ESPERANÇA PARA O 1 TURNO. É PRECISO MUDAR, ENTRE OUTRAS COISAS:
    1- A PREPARAÇÃO FISICA PECISA SER REAVALIDA, POIS OS ZAGUEIROS, QUE SAO BONS, ESTAO PESADOS.
    2- O COMELE, QUE DEVE SER MANTIDO, MAS PRECISA SER MAIS OUSADO.
    3 A DIRETORIA PRECISA CONTRATAR POUCOS DE QUALIDADE(PRINCIPALMENTE ATACANTE)
    4- A DIRETORIA DEVERIA FAZER UMA REUNIAO GERAL COM A COMISSAO TECNICA E JOGADOES PARA AVALIAR TUDO.

      1. BERLLI, NÃO É CLUBE DO REMO.

        É TESTÍCULO REMISTA!…

        OU SEJA:

        PARTICIPA SEMPRE, MAS NÃO ENTRA NUNCA!!!…KAKAKAKA!!

  22. Estamos próximos do fim do mundo pro nosso futebol. Balão dando carrinho e tomando a bola do adversário em sua intermediária, depois, fazendo um lançamento de 40 mts deixando o centro avante na cara do gol, meu Deus! O que mais ainda veremos antes que Curuzu e Baenão afundem no próximo inverno?

      1. Égua, André! Só se for pra comer o churrasquinho de gato, por sinal, até que cheirava bem na hora em passei por lá. A não ser que fosse mapará.

    1. Calma Lá jorge!!!
      fale pelo SOFRENÔMENO. Pois o meu papão está na final do Turno!

      Ah! Sim! Ia me esquecendo : O CHORO É “DIGRÁTISSS”!..RSRS!

  23. NÓS SUMUS DI CAMETÁ
    CABÚCU FURTE DU LADU DE LÁ!

    DISCUBRIMU QUI CUMÊ LEÃO COM AÇAI
    É MILHÓ QUE CUM MAPARÁ!

    MASCUMENTÃO UM TAR DE LIAOZINHU QUE GRITAR?
    SE MESMU NA SUA CASA SÚ FAZ APANHÁ?

    HUM..TÁ CHEIROSO!!
    SO TE DÍGU VAI!! … VAI!! …PRA TU VÊ!!

    E SAI LOGO DU SÓR!! SENAUM TU GRIPA MININU!!

    RSRSRS!!

  24. Cametá o engasga gato! Cadê o time jovem com média de 22 anos??? Time de perebas, isso sim! Cantei o jogo antes de terminar a fase classificatória que a final seria Paysandu X Cametá. Agora me apontem um único jogador desse time que preste, só um!

  25. Primeiro jogo da galinha azul no 2° turno é contra o Pantera em Santarém, vai sair pena pra tudo quanto é lado, o 2° é contra o Cametá, de novo, e o 3° contra o Águia em Marabá, então imaginem só o sofrimento que está por vir pros galináceos.

Deixe uma resposta