Um campeão desempregado

Atual técnico campeão brasileiro com o Flamengo, Andrade ainda não trabalhou em nenhum lugar desde que foi demitido em abril deste ano. O ex-jogador e ídolo do time da Gávea não poupa críticas ao clube. “O que chega no ouvido dos outros presidentes é que o Andrade não tinha comando. E as pessoas acreditam. A gente ouve muita coisa e eu prefiro não acreditar em determinadas coisas. Se eu não me empreguei acho que é porque não é o momento. Eu estou aguardando o meu momento”, disse o ex-técnico ao programa Arena Sportv.

Andrade foi demitido em abril antes das oitavas de final da Libertadores. O ex-jogador alega que ainda não recebeu o salário referente ao mês do desligamento. Muito se especulou que a saída foi por causa da falta de comando do técnico com um time de estrelas, como Vagner Love e Adriano. “Acho que o meu jeito de ser levou o Flamengo ao titulo Brasileiro. Era um grupo difícil de trabalhar. E na vida quem é que não tem problemas? Tudo o que eu pude fazer foi entender o problema de cada um e achar uma forma de conseguir os resultados. Todos achavam que o time ia ser rebaixado”, completou. (Da ESPN)

E pensar que enganadores diversos estão trabalhando. O futebol é realmente injusto. Te dizer…

4 comentários em “Um campeão desempregado

  1. Amigo Gerson há alguma coisa errada com o texto acima quando fala que o Andrade foi demitido após a eliminação do flamengo nas quartas da libertadores, ele foi demitido na verdade antes das oitavas de final, lembrando que entrou Rogério Lourenço eu seu lugar, e infelizmente a vitíma nas oitavas foi o timão, após disso foi eliminado nas quartas pelo universidade católica. abraços!!

  2. É verdade mesmo o que o Cézar disse! Já no caso de Andrade, acho que ele realmente conseguio impor sua filosofia de trabahlho, é contornar os problemas dos jogadores, com isso conseguio alcançar o titulo brasileiro do ano passado, mais apartir do momento, em que a fogueira de vaidades começou à queimar dentro da Gavea amigo! A coisa ficou preta para ele, onde acho que ele tentou noavamente, fazer a mesma coisa porém sem sucesso, pois o trio do mal Adriano, Vagner Love, é Bruno, já davam mostras desde o ano passado que não eram boa companhia para os demais jogadores do elenco rubro-negro, com isso começou a existir os famosos motins dentro do elenco, de um lado a turma do mal, que levava consigo os barqueiros, do outro lado a turma do temperamental, porém craque Petckvic. Com isso às coisa começaram a não funcionar mais como era antes, ai como todos sabem que a corda sempre quebra para o lado do treinador.

Deixe uma resposta