Separatistas em ação

No DIÁRIO de hoje:

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado Federal aprovou ontem o Projeto de Decreto Legislativo (PDL 52/07) que estabelece a realização de plebiscito sobre a criação do estado de Carajás, a partir do desmembramento do estado do Pará. A proposição – apresentada pelo senador Valter Pereira (PMDB-MS) – recebeu parecer pela aprovação, com emendas, do relator, o senador Leomar Quintanilha (PMDB-TO).
O relatório de Quintanilha já se encontrava desde o dia 8 de maio na CCJ, pronto para votação. Na véspera, uma comitiva de prefeitos do sul do estado fez diversas visitas aos senadores a fim de garantir apoio ao projeto. A primeira vitória do grupo foi a inversão de pauta que acabou colocando a proposição em votação.
Os senadores paraenses preferiram a cautela. Flexa Ribeiro (PSDB-PA) se declarou favorável apenas a ouvir a população paraense sobre o assunto. “Não foi discutido o mérito da questão. Ou seja, não foi votada a criação do Estado do Carajás. O que foi votado e aprovado na CCJ é que a população do Pará seja ouvida sobre essa questão. E disso sou a favor, pois não podem decidir um tema tão importante apenas nos gabinetes em Brasília”, explicou Flexa Ribeiro. “Como democrata, sou a favor que a população po ssa opinar sobre uma questão tão importante”, afirmou.
O blog do deputado federal Giovanni Queiroz (PDT-PA) – o maior defensor da criação do estado de Carajás e autor de projeto semelhante na Câmara dos Deputados – informou que ao longo da terça-feira (2), comitivas de prefeitos e vereadores do sul do Pará visitaram os senadores membros da CCJ a fim de pedir apoio para o projeto.

3 comentários em “Separatistas em ação

  1. isso é engraçado, sabe que ouvi muita gente falando em se separar do Brasil depois que belém não foi escolhida com uma das cidades sede da copa, hahahaha aqui dentro os caras estão afim de desmembrar o estado, temos primeiro que ver o q sobrará do Pará pra se separar do Brasil hahahaha

  2. Gerson, o que vc pensa a respeito da divisao do Pará ? e nao falo só de Carajás, mas sim, Santarem e Marajó tambem,

  3. Nossa! Que oportunismo!!

    Mas, como apoio a democracia. Que venha o Plesbicito!

    Agora, o que vai mover a economia do estado do Pará caso seja dividido? Açaí e brinquedos de mirití??
    Pensem bem!

Deixe uma resposta