Tribuna do torcedor

Do Carlos Alberto Carvalho:

Para Cláudio, Gerson, Guerreiro e amigos da Clube e ao meu irmão Gustavo Carvalho:

Ouvi você, Cláudio, na Clube comentando a notícia da ida do coronel Nunes à Copa das Federações e sinceramente concordei com Caxiado e com o Jones, no que tange ao convite do sr. Ricardo Teixeira a Nunes para presidir a delegação. Sinceramente, se não formos escolhidos como sede para a Copa de 2014, este convite neste momento cheira ao famoso “cala-boca que te ajudarei”.

É necessário que toda a imprensa se oponha e pressione o coronel a condicionar o “sim” ao convite, somente se formos escolhidos, caso contrário, é melhor ficar de fora e manter uma atitude digna de quem não se vende por migalhas.

Um recado ao coronel Nunes:“Se o Senhor aceitar esse convite sem termos sido escolhido como sede é melhor então o usar esta viagem como despedida do esporte paraense, pois não fará mais nada de bom ao esporte do Pará. Vista o Pijama e bote o radinho da Clube no ouvido e só”

É a minha opinião. Saudações bicolores a todos.

Sinceramente, não duvidaria nada dessa manobra de Teixeira, adoçando a boca do coronel, que, como se sabe, não é de recusar mordomia.

Grandes coisas chefiar delegação à Copa das Confederações. De mais a mais, o coronel é o coronel e o Pará é o Pará. Nada a ver, literalmente.

O ideal é que o próprio Teixeira fique sabendo que agradar seu velho aliado de reeleições não significa absolutamente nada para os paraenses. É apenas uma troca de favores entre ambos.

Continuo a crer na escolha de Belém como sede porque temos o maior de todos os eleitores, o presidente Lula, e, principalmente depois que o presidente da Vale, Roger Agnelli, entrou na parada defendendo a candidatura paraense.

Se depender do Nunes, esqueçam.

Por um motivo bem simples: a Copa não dá 10% da bilheteria à Federação Paraense de Futebol.

2 comentários em “Tribuna do torcedor

  1. Gerson, não sabia que a Vale, na pessoa do Roger Agnelli, havia “endoçado a parada” como se diz. Tomara que Belém seja eleita, pois trará muitas melhorias para nossa capital.
    Quanto ao Nunes… tsc, tsc… não merece uma linha do que escrevemos aqui dado o seu “esforço e empenho” pela Copa em Belém.

  2. A Vale, pelo que foi anunciado na semana passada, terá uma cota de patrocínio da Copa de 2014. E, nessa condição, seu presidente falou com Josef Blatter e foi claro quanto à preferência da companhia na região – nem podia ser diferente. Sem dúvida, é um voto de peso.

Deixe uma resposta