Campeã França passa vexame, mas garante vaga nas oitavas

Na despedida da primeira fase da Copa, a França perdeu para a Tunísia por 1 a 0 no início da tarde desta quarta-feira (30). A atuação foi sofrível e recebeu uma saraivada de críticas da mídia esportiva francesa. “Derrotados e irreconhecíveis, os Blues disputaram penosamente o primeiro lugar no grupo”, estampou o jornal ‘Le Parisien’.

Mas, apesar do revés para os tunisianos, a França conseguiu se classificar na primeira colocação do Grupo D, empatando nos números de pontos com a Austrália, mas superior no saldo de gols. Além disso, o técnico Didier Deschamps poupou seus titulares no confronto, mas teve que colocar Mbappé, Griezmann, Rabiot, Saliba e Dembelé para tentar arrancar um empate no desespero.

Griezmann chegou a empatar nos acréscimos, mas o VAR avaliou a jogada e o gol foi anulado. O placar do confronto foi construído com um gol de Khazri no início da segunda etapa. Esta é a primeira vez na história que a seleção tunisiana vence os franceses.

“O [atual] campeão mundial caiu contra uma equipe que foi a única que tentou vencer o jogo desde o início”, publicou o espanhol ‘Diário AS’. Mesmo conquistando uma vitória história sobre a seleção francesa, já que os outros quatro confrontos tinham sido dois empates e dois triunfos da França, a Tunísia não conseguiu se classificar para as oitavas da Copa.

Deixe uma resposta