A verdade triunfa: foi golpe, sim!

“Se o jornalismo da velha mídia tivesse dignidade e respeito pela profissão, viria a público pedir desculpa a Dilma por ter endossado um golpe de estado por pedaladas fiscais – manobra descartada como crime pelo MPF. O silêncio de quem condenava é confissão de mau-caratismo”.

Tiago Barbosa, historiador e jornalista

“Seis anos depois do impeachment de Dilma por infundado crime de responsabilidade, MPF arquiva acusação de pedaladas fiscais. Como dissemos a presidenta foi vítima de golpe misógino que desembocou no retrocesso do Brasil. Meu eterno apoio a essa mulher guerreira que nos honra”.

Gleisi Hoffmann, presidenta nacional do PT

“Enquanto Cunha comprava votos para derrubar a ficha limpa Dilma sem crime de responsabilidade, Lira segura mais de 140 pedidos de impeachment do Bozo repleto de crimes de responsabilidade. É muita injustiça praticada por seres trevosos”.

Sergio Morales

Um comentário em “A verdade triunfa: foi golpe, sim!

Deixe uma resposta