Seringa vazia

Tenha um olho no padre
E o outro olho na missa,
Onde a enfermeira podre
É do demônio noviça.

 
Essa campanha em curso
Demonstra nossa triste sina:
O governo desvia recursos,
A enfermeira desvia vacina.

 
E assim, não sei o que faço
No embaraço da medicina
Injetando ausência no braço 
Na seringa e na agulha fina.

 
Não somente o rico desvia,
Fique atento, sempre há lobby,
No episódio da seringa vazia,
É o pobre matando o pobre!

 
Sinval Santos 
29.01.21

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s