Paragominas vence o Papão e fica perto da grande final

POR GERSON NOGUEIRA

Com um primeiro tempo de ampla superioridade ofensiva sobre o Paissandu e boa movimentação no meio-campo, o Paragominas se impôs e surpreendeu o líder do campeonato, marcando 3 a 2 e abrindo vantagem nas semifinais. Na próxima semana, o time interiorano joga por um empate para se classificar à final do Parazão.

O Papão entrou jogando com várias mudanças na equipe, com Netinho de lateral, Wesley Matos na zaga, Victor Diniz no meio e Uilliam no ataque. Insistiu na estratégia de adiantar a última linha de zaga para sufocar o adversário e o resultado foi o pior possível.

Mesmo com vários jogadores na marcação, o Paragominas saía sempre em contra-ataques rápidos. Kaika, João Neto e Aleilson levavam a melhor e criavam situações de muito perigo. Aos 10 minutos, o volante Uchoa tentou afastar a bola com um chutão e entregou nos pés de João Neto, que aproveitou o presente fazendo 1 a 0 para o PFC.

O Jacaré pressionava e deixava a defensiva bicolor em apuros. Aos 26′, uma confusão coletiva dos zagueiros do PSC. Aleilson recebeu livre nas costas de Micael, entrou na área e chutou em direção ao gol. Atabalhoado, Wesley tentou salvar e devolveu nos pés de João Neto, que, inteiramente livre, mandou para as redes de novo: 2 a 0.

A situação era tão favorável ao Jacaré, que perdeu ainda três grandes de ampliar, que o PSC só foi dar o primeiro chute a gol aos 31 minutos, para uma defesa arrojada do goleiro Gustavo. Aos 45′, numa bobeada do setor de marcação, Nicolas desviou cruzamento de Vinícius Leite e descontou.

Na etapa final, com várias mudanças, o PSC se lançou ao ataque e conseguiu chegar ao empate aos 26 minutos. Wesley Matos aproveitou rebote da zaga e chutou forte para empatar. Os bicolores continuavam atrapalhados em campo, o time inteiramente desorganizado, mas o Paragominas diminuiu o ritmo e não conseguiu mais estabelecer pressão ofensiva.

Buiú entrou no jogo, juntamente com o meia Walker, passando a ajudar nos contra-ataques, em busca do terceiro gol. Aos 29′, o zagueiro Wesley Matos tomou o cartão vermelho após entrada violenta em Aleilson, desguarnecendo a zaga – Perema entrou para recompor.

O PFC, mesmo em ritmo cadenciado, seguia mais lúcido em campo e acabou chegando ao terceiro e merecido gol já nos acréscimos. Após saída errada da defesa bicolor, a bola foi recuperada pelo Jacaré e chegou a Walker, que mandou por cobertura. Um golaço, para fechar a grande noite do Paragominas, justo vencedor da primeira partida da semifinal.

A próxima partida será na quarta-feira, 19, às 20h, no Mangueirão.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s