Grêmio se preparou para devolver a catimba que Palmeiras usou no primeiro jogo

libertadores-2019-palmeiras-x-gremio-1566959354228_v2_900x506

O Grêmio não fez catimba à toa na vitória por 2 a 1 sobre o Palmeiras, ontem, no jogo de volta das quartas de final da Libertadores – clique aqui e assista aos melhores momentos da partida. Por mais que Renato Gaúcho não tenha admitido, o time gremista gastou o tempo de forma deliberada e tomou essa decisão depois de sofrer em Porto Alegre. Nas palavras de André, o Grêmio fez o Palmeiras “passar raiva”. O veneno aplicado no Pacaembu já foi provado pelo elenco gremista várias vezes.

“Ele (Renato) falou que o Palmeiras é um time que amarra muito o jogo, vimos isso de perto em Porto Alegre. Ele disse: ‘vocês passam raiva quando estão perdendo, então façam eles passarem raiva também’. A gente foi experiente, foi um time copeiro. Esse grupo está acostumado a ganhar, a chegar. Nessa hora, o Grêmio cresce”, disse André, centroavante do Grêmio.

Na entrevista coletiva, porém, Renato Portaluppi afirmou que o time não fez catimba. “O Grêmio não usou da malandragem. Sofreu muitas faltas. O Bruno Henrique merecia o cartão amarelo, mas não levou. O Grêmio não usou malandragem, o Grêmio jogou. Eu sou contra isso, usar da malandragem, e sempre falo que o árbitro tem que acrescentar. Vocês viram quanto ele deu de desconto? Não reclamamos disso. Meu time não cai por malandragem. Falei para eles, com o VAR acabou a malandragem. Nosso time tem que se preocupar em jogar futebol. E jogou”, disse o treinador gremista. (Do UOL)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s