Fifa determina que Cruzeiro perca 6 pontos no Brasileiro

willian-comemora-gol-do-cruzeiro-sobre-o-fluminense-1478887887450_v2_900x506

Por causa de uma dívida referente à compra do atacante Willian, hoje no Palmeiras, o Cruzeiro foi acionado na Fifa e sofreu uma derrota em primeira instância. A entidade máxima do futebol determinou que o clube mineiro perca seis pontos no Campeonato Brasileiro, mas a diretoria celeste já entrou com um recurso para evitar a punição. A informação foi antecipada nesta manhã pelo jornalista Ancelmo Gois, do jornal “O Globo”.

A punição do Comitê Disciplinar da Fifa ao Cruzeiro ocorreu por causa de uma dívida na casa de R$1,5 milhão de euros (cerca de R$6,3 milhões) com o Zorya Luhansk. O clube ucraniano entrou com a ação em junho de 2017 para cobrar o montante e recebeu o parecer favorável no início deste ano.

O advogado Breno Tannuri é quem cuida dos processos contra o Cruzeiro na Fifa. Em nota, o clube mineiro informou que já recorreu sobre o caso e rechaçou a possibilidade de perdes pontos. “Há um processo tramitando na FIFA, do FC Zorya da Ucrânia contra o Cruzeiro Esporte Clube, relativo à transferência do atleta William Bigode.

O Cruzeiro EC perdeu a causa em primeira instância, mas, em seguida, entrou com um recurso conseguindo uma liminar que foi aceita pela FIFA e pelo CAS – Corte Arbitral do Esporte. Um novo julgamento será marcado dentro de aproximadamente 10 meses. Segundo nosso advogado internacional, Dr. Breno Tanuri, se houver nova derrota, o Clube terá 90 dias para efetuar o pagamento da dívida. (Com informações de ESPN e UOL)

Processos contra PHA são caso mais impressionante de assédio judicial contra jornalista no Brasil, diz repórter

Do jornalista Rubens Valente no Twitter:

Em maio, num encontro de jornalismo Europa-AL da União Europeia e Ipys no Peru, citei as dezenas de processos movidos contra Paulo Henrique Amorim. Antes, pedi a ele que mandasse uma frase para eu citar no meu comentário, e foi esta: “Diz-me quem te processa e te direi quem és!”

As dezenas de processos contra PHA são o caso mais impressionante de assédio judicial no Brasil por conta do exercício do jornalismo. Vc podia discordar do que ele dizia, eu mesmo discordei de críticas a colegas que prezo e admiro, mas liberdade de expressão é exatamente isso.

Morre PH Amorim: Brasil perde voz importante contra o ódio e a insanidade

paulo-henrique-amorim-patrono-600x400

Por Fernando Brito, no blog Tijolaço

O Conversa Afiada, de Paulo Henrique Amorim, nasceu há 20 anos, não como blog, mas como um talk-show na TV Cultura, em 1.999. Mas virou blog anos depois e, com a visibilidade que lhe dava a longa e vitoriosa carreira de Paulo Henrique Amorim , seu afiado conversador, abriu a trilha da blogosfera progressista.

Inclusive para este Tijolaço, que ajudou a tornar conhecido reproduzindo, com frequência, meu artigos e análises. Ainda não é a hora de falar do jornalista que foi, recém-apanhado pela notícia de sua morte. Prefiro falar de quem, por mais de dez anos, comigo compartilhou ideias, angústias e análises.

Com quem, de longe e com raríssimos encontros que não fossem pelo telefone, eu confiava para falar-lhe do que estava apurando e receber, de sua experiência de mais de 50 anos de jornalismo, orientações e dicas de como seguir em frente.

Semana passada, o clima de fascismo em que mergulhamos armou a última trampa para PHA: afastá-lo do Domingo Espetacular, que comandava há quase 13 anos na Record. Era o dízimo que a emissora de Edir Macedo dava ao governo bolsonarista.

Talvez isso tenha acelerado o abalo que fez, hoje, parar seu coração.

Mas ainda assim, ele aguentou, com elegância, a mesma que ostentava no lenço sempre cuidadosamente arrumado no bolsinho do paletó.

O ansioso blogueiro, como a si chamava, agora é, para sempre, um amigo navegante. Por outros mares, para onde todos iremos.

Ciro sobre a reforma: “Em nenhum lugar professor ou policial trabalham 40 anos para se aposentar”

ciro-600x464

Do Twitter de Ciro Gomes, numa thread endossada por Fernando Haddad:

Porque considero o voto a favor desta reforma Bolsonaro um voto contra os pobres e contra a classe média em resumo:

1. De cada 100 reais de sacrifício , 83 reais são cobrados de quem ganha até 2 mil reais ;

2. A aposentadoria passa a ser calculada sobre todos os salários que o trabalhador teve ao longo da vida e não mais sobre os 80% maiores – a perda para os aposentados será de 13%;

3.A combinação de idade mínima com tempo de contribuição de 40 anos na prática levará os pobres a NÃO TER MAIS APOSENTADORIA: em 40 anos o trabalhador fica ao menos 8 anos sem carteira assinada (IBGE) assim , para ter a aposentadoria integral teria que trabalhar até os 73 anos pelo menos (soma da idade mínima com mais 8 anos de contribuição adicionais );

4.em nenhum lugar do mundo civilizado um professor ou um policial trabalham 40 anos para se aposentar;

5. Os militares custam 47 bilhões de reais por ano e contribuem com 3 bilhões de reais . 99% dos militares se aposentam com 55 anos .