Trivial variado da Bozolândia

“Impressão minha ou governo Bolsonaro não consegue começar? No executivo desentendimentos, brigas e ministros escolhendo SUAS prioridades. No legislativo parecem crianças deslumbradas tentando aprender a falar. Fazem oposição sem saber a que: Kit gay? E no partido: laranjas!”. Rogério Correia

“Agora na Record o presidente Jair Bolsonaro também desmentiu Gustavo Bebiano, ministro-chefe da Secretaria de Governo. Mais cedo foi Carlos, o filho. Bebiano sai machucado e desmoralizado para conduzir o governo. Pode ser a próxima baixa na gestão Bolsonaro”. George Marques

“Não deu 40 dias e eles batem cabeça, se xingam, se desentendem. Os filhos pitbulls parecem mandar mais do que o pai. O Festival de besteiras que assola o país terá muitas e muitas edições durante estes terríveis 4 anos”. José Trajano

“Tratamento de quimioterapia é só para quem tem câncer né ?!”. Roberta Luchsinger

“Trocar ‘antibióticos’ por ‘quimioterapia’ numa frase. Quem nunca? Se você falar bem rápido, quase dá pra confundir as duas palavras. A língua portuguesa e a cabeça da Eliane Cantanhêde são duas caixinhas de surpresas”. Paulo RJ

“Bolsonaro apareceu envelhecido e doente na entrevista da Record. Fritou Bebianno, disse que Mourão erra no relacionamento com a imprensa e que amanhã bate martelo sobre a previdência. A voz mal saia, a pele acinzentada. Não adianta ser o presidente. A vida se impõe como ela quer”. Amanda Audi

Leão faz sua 28ª participação na Copa do Brasil

vacaria_diogosodre

Atrás de Atlético-MG e Vitória-BA , ocupando a terceira colocação do top 10 de participações na 31ª edição da Copa do Brasil, com 28 campanhas, o Remo enfrenta o Serra-ES, às 19h30 (horário de Belém), em Serra, com a vantagem de poder obter a classificação com um empate.

Com boa presença no Campeonato Estadual, o Remo vive um começo de temporada bem superior ao de seu adversário. O Serra está na sétima posição do Campeonato Capixaba, com uma vitória e dois derrotas.

gustavoramos_mimica_echeverria_netao

Os números do sistema defensivo azulino são expressivos. O time não sofreu nenhum gol em três jogos no Parazão. Se a zaga conseguir se manter invicta, garante a classificação do Leão hoje. O time azulino para a estreia na Copa do Brasil com Vinícius; Geovane, Mimica, Vacaria e Tiago Félix; Robson, Diogo Sodré, Dedeco e Etcheverría; Gustavo Ramos e Mário Sérgio.

destaque-575634-serraesss-696x463

Sem vencer dentro de casa, o Serra-ES está definido para enfrentar o Remo. O time está escalado pelo técnico Cleiton Marcelino, que aposta fichas no atacante Lessinho, principal arma da equipe para quebrar um tabu de mais de 20 anos: nenhum time capixaba avançou a segunda fase da Copa do Brasil.

O Serra-ES vai a campo com Walter; Gilmar Baiano, Lacraia, Ricardo Oliveira e Peu; Caetano, Maicon, Joelson e Emilio; Rael e Lessinho.

BRAGANTINO SE CLASSIFICA

Com um gol de Rafinha, o Bragantino derrotou o ASA de Arapiraca na tarde desta quarta-feira, no estádio Diogão em Bragança. Na segunda fase da Copa do Brasil, ainda como mandante, o Bragantino receberá o Aparecidense, em Bragança.

Junior Amorim é o novo técnico do São Francisco

O São Francisco anunciou oficialmente a contratação de Júnior Amorim como novo técnico da equipe profissional. A diretoria azulina iniciou as conversas com o técnico na noite de terça-feira (12), após a derrota para o Paragominas, por 5 a 4, e a demissão de Osvaldo Monte Alegre. A chegada de Amorim a Santarém ainda não foi confirmada, mas o técnico deve começar os trabalhos a partir desta quinta-feira.

O Leão Azul santareno tem o clássico contra o São Raimundo no domingo (17), pela quinta rodada do Parazão, no estádio Barbalhão. O São Francisco é o atual lanterna da chave A1 da competição estadual, com apenas um ponto em quatro jogos.

Nos bastidores do rock

pink_floyd_londres_mai2011_f_001

O baterista Nick Mason respondeu a uma curiosa pergunta feita durante entrevista ao KSHE 95, com transcrição do Ultimate Guitar. Na ocasião, o músico foi questionado o que seria preciso para o guitarrista David Gilmour e o baixista Roger Waters, que integravam o Pink Floyd com Mason, voltarem a ser pelo menos amigáveis um com o outro.

A resposta de Mason também foi curiosa. “Provavelmente, algo como uma noite em um pub, de verdade. Não sei. Há um enorme senso de diferenças ali. Particularmente, acho que é sobre o que Roger pensa ser importante na música em geral”, afirmou.

Apesar da “proposta”, Nick não se mostrou muito motivado com a ideia de trégua entre os dois. “Nunca se sabe. Às vezes, pessoas podem ficar brigando pelo resto de suas vidas. Às vezes, só é necessário um momento para trazer de volta”, disse.

O entrevistador, então, comentou ter lido em entrevistas de Nick Mason que Roger Waters tem mais respeito por compositores do que por cantores e guitarristas, como David Gilmour. Sendo assim, outra pergunta foi emendada: não seriam necessárias mais noites em um pub? “Sim, provavelmente”, respondeu o baterista. “Provavelmente levaria uma semana”, completou.

amp-pink-floyd

Outra entrevista

Em depoimento anterior, à Rolling Stone, Nick Mason descreveu a briga entre os ex-colegas como “decepcionante”. “É muito estranho esse impasse continuar, na minha opinião. Acho que o problema é que Roger não respeita David. Ele acha que compor é tudo e que tocar guitarra e cantar são coisas que… eu não diria que são coisas que qualquer um pode fazer, mas que, para ele, tudo deve ser julgado na composição e não na interpretação”, afirmou, na ocasião.

O baterista pontuou que a decisão de David Gilmour em seguir com o Pink Floyd a partir de 1985, após a saída de Roger Waters, ainda causa discórdia entre eles. “Acho que é estranho para Roger, que ele tenha cometido uma espécie de erro na forma em que ele saiu da banda, supondo que, sem ele, deixaria de existir. É uma irritação constante que ele ainda esteja voltando a isso. Acho muito decepcionante que esses senhores idosos ainda estejam em conflito”, completou ele, na ocasião, antes de revelar que também gostaria que os dois fizessem as pazes.

Sem alvará, Flamengo suspende concentração em CT e irá para hotel

AGIF19020811494928-1024x683

Sem alvará de funcionamento e demais documentos necessários para a regularização do CT Ninho do Urubu, o Flamengo suspendeu por tempo indeterminado a concentração do time profissional no hotel do centro de treinamento. Para o Fla-Flu de quinta-feira (14), às 20h30 (de Brasília), no Maracanã, o elenco dormirá em um hotel da Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

A medida é um dos compromissos do Flamengo com os órgãos fiscalizadores e o Ministério Público. Ficou definido que nenhuma pernoite será realizada no Ninho do Urubu até que a situação seja regularizada. As categorias de base, inclusive, não estão em atividade desde o incêndio que matou dez jovens no alojamento.

Na próxima sexta-feira (15), uma reunião será realizada no Ministério Público para que a questão seja discutida. O laudo das vistorias será apresentado e exigências debatidas com o Flamengo, que precisará apresentar uma série de documentos. Caso contrário, o CT poderá ser interditado. Algumas mudanças no local deverão ser realizadas por conta da análise dos órgãos competentes. O clube firmou compromisso em atender o que for solicitado.