Professor com 2 meses de salário atrasado chora ao ganhar R$ 400 de alunos

bdnl0inqyxbflg3plh53t4rb7

Bruno Rafael Paiva dá aulas de Artes para os alunos da escola estadual Balbina Viana Arrais, na cidade de Brejo Santo, Ceará. Trabalhando há dois meses e meio, sem ao menos ter recebido o primeiro salário, o docente foi surpreendido por estudantes de uma turma do 1º ano do ensino médio, que, solidários com a situação, conseguiram arrecadar R$ 400,00 e entregar a Bruno.

Em publicação no Facebook, o professor agradeceu a surpresa feita na terça-feira (15) e contou as suas dificuldades por conta dos atrasos no pagamento. “Esse mês quando vi que não ia receber depois de um mês e meio de trabalho, vi tudo ficar preto, afundei na depressão preocupado e perdido sem saber como ia pagar as contas e ajudar minha família que está de mudança e com muitas barreiras na vida”, escreveu.

Bruno explica que, quando os alunos ficaram sabendo da sua situação financeira, eles decidiram comprar uma cesta de chocolates, criaram uma rifa para vender na escola e arrecadaram o dinheiro. “Tenho muitas salas que amei de coração ser professor, mas nunca nenhuma sala demonstrou tamanho amor, ajuda e carinho por meu trabalho de professor como o 1° Edificações fez hoje”, agradeceu.

Em outro trecho da publicação, o professor desabafa “vida de professor não é fácil”. “O Estado faz você trabalhar muito pra receber tudo de uma vez e você precisa segurar as pontas sozinho”. No dia de entregar o dinheiro arrecadado ao professor, os alunos montaram uma espécie de “caça ao tesouro”. Assim que Bruno entrou na sala, os estudantes pediram para que lesse o que estava escrito na porta pelo lado de fora.

Em seguida, o professor foi seguindo as “pistas” com trechos da mensagem que os alunos escreveram, até chegar a uma caixinha em sua mesa onde estavam os R$ 400,00. Após se emocionar com a surpresa, Bruno recebeu um abraço coletivo dos estudantes.

“São alunos como eles que me fazem ainda acreditar na Educação do país, acreditar no amor ao próximo, na compaixão de se colocar no lugar do próximo, e acreditar, principalmente, no respeito e amor do aluno para com o professor de sua escola”, escreveu Bruno.

A reportagem do iG  tentou entrar em contato com a Secretaria de Educação do Ceará para saber a situação do pagamento dos professores do Estado, mas até o fechamento desta matéria não obteve retorno. (Transcrito do iG)

Xico Sá é o novo reforço da ESPN

i

Um dos mais respeitados jornalistas e escritores do país, Xico Sá é o mais novo reforço dos Canais ESPN para a cobertura da Copa do Mundo da Rússia. A estreia do comentarista será já nesta sexta-feira (18), às 21h, no programa Linha de Passe. Xico Sá vai participar também de edições do Bate-Bola até o fim do Mundial. Na próxima terça-feira (22), ele ainda será o entrevistado do programa Bola da Vez, ao vivo, às 21h30, na ESPN Brasil e no WatchESPN.

“Eu me considero aquele cara que traz o comentário do torcedor para o debate. Gosto da opinião de quem está na rua, na conversa pela manhã na padaria, na brincadeira com o porteiro do prédio”, conta Xico Sá, que revelou ter entrado nas mesas redondas do jornalismo esportivo graças a um convite de Sócrates.

Para João Palomino, vice-presidente de Jornalismo e Produção, a chegada de Xico Sá reforça o investimento da marca no amplo trabalho de cobertura para a Copa do Mundo. “Xico é desses caras que a gente para pra ouvir. Inteligente, tem o dom do debate e representa a opinião do torcedor. É a voz das arquibancadas e consegue humanizar a discussão. Estamos muito felizes com a presença dele na ESPN”, destaca.

Segundo a emissora, a contratação de Xico Sá é mais um passo “para levar ao fã do esporte a melhor cobertura da Copa, com a união de suas equipes ao redor do mundo”. Xico Sá nasceu em Crato, no Ceará, em 6 de outubro de 1962. O jornalista e escritor começou a carreira em Recife e, dentro de seus vários trabalhos, foi colunista do jornal Folha de S. Paulo, integrou a bancada do programa Cartão Verde, da TV Cultura, e do programa Saia Justa, do canal a cabo GNT. (Da ESPN)

Direto do Twitter

“Lava Jato foi feita pra pegar o PT. Operadores do PSDB estão soltos. Moro vai a festinha do Doria e tira foto com Aecio. LJ serviu pra tirar Dilma e ora desmontar economia brasileira – do jeito que os gringos queriam. Gilmar é só mais escancarado…”.

Rodrigo Vianna, jornalista, no Twitter

Filho de Branco faz teste no Papão

stephanno-leal

Stephanno Leal, de 23 anos, será incorporado ao elenco do Paissandu para um período de testes. O jogador é carioca e filho de Branco, lateral-esquerdo tetracampeão da Copa do Mundo de 1994 pela Seleção Brasileira. Meia-armador, ele defendeu o Boa Vista no Cariocão 2018. Está em Belém desde o começo da semana, trazido pelo pai, e deve iniciar treinamentos a partir desta sexta-feira.

“É um atleta jovem, que vem para ser avaliado conosco. Atendendo as nossas expectativas, poderá dar sequência”, disse o executivo André Mazzuco. Segundo ele, o filho de Branco chega sem custos para o clube.

Stephanno foi revelado no Fluminense, onde o pai jogou por muitos anos. O atleta, caso seja aprovado, ganhará contrato para defender o Papão na Série B.

Não é a primeira experiência do Paissandu nessa área. Há dois anos, o clube trouxe o meia-atacante Rivaldinho, filho de Rivaldo, campeão mundial pelo Brasil em 2002. Apesar de ter tido várias chances, o jogador não emplacou e foi liberado.