Por Kotscho

9 de outubro de 2017 at 12:06 Deixe um comentário

cms-image-000406722

POR LÚCIO FLÁVIO PINTO, no Balaio do Kotscho

Ricardo Kotscho é um dos melhores jornalistas do Brasil. De uma espécie que, de tão rara, está entrando na lista dos bichos ameaçados de extinção: o repórter de linha de frente, de rua, de contato humano, audacioso, uma individualidade no mundão sem porteiras. Um ser humano de alta decência, coerente e digno. 

Pois Ricardo foi demitido pela Record. Eu o via pegar sua agenda em papel, ler suas anotações e fazer comentários – ao mesmo tempo pertinentes e originais na maré montante dos lugares comuns e da mentalidade de linha de montagem da informação praticada pela imprensa nacional (e também internacional).

Isso não interessa mais ao patrões do jornalismo. Com exceções cada vez menos frequentes, prevalece a mediocridade, o que certamente contribui para a mediocrização das mentalidades. A sociedade se empobrece e fica bitolada, tornando-se campo fecundo para as intolerâncias e a ignorância com pose de sabedoria. O melhor que a imprensa pode oferecer à democracia vai para o arquivo, para a posta restante.

Ricardo é meu grande amigo. Integramos uma confraria de jornalistas que se reunia em São Paulo nos fins de semana em torno do nosso guru, Raul Bastos, todos trabalhando em O Estado de S. Paulo na época. De volta a Belém, sempre que vou à capital paulista procuro um contato. No último encontro, já nos víamos como integrantes de um universo condenado a desaparecer.

Muitos amigos também foram afastados dos lugares nos quais trabalhavam, mesmo no pleno vigor das suas faculdades, com o acréscimo de décadas de rica experiência na profissão. Outros desistiram da volta. Ricardo, demitido pela primeira vez na sua carreira de meio século, ainda tem energia e disposição para buscar a retomada de uma atividade que não é só o seu ganha pão honesto, mas razão de viver.

Entry filed under: Uncategorized.

A sentença eterna Crise da imprensa se dá pela quebra da cadeia de transmissão de conhecimento nas redações

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,358,995 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 12.883 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

blogdogersonnogueira em Luverdense x PSC – comen…
Alfredo Martins em Luverdense x PSC – comen…
Alfredo Martins em Luverdense x PSC – comen…
celira em Luverdense x PSC – comen…
Jorge Paz Amorim em Luverdense x PSC – comen…

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

NO TWITTER

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: