Archive for 11 de agosto de 2017

Papão viaja para encarar o Oeste

DG5t9rBXgAQ-QJ4

Antes do embarque para São Paulo, os jogadores do Paissandu finalizaram na manhã desta sexta-feira os preparativos para a estreia no segundo turno da Série B do Campeonato Brasileiro. Amanhã à noite, o time enfrenta o Oeste-SP, na Arena Barueri, valendo pela 20rodada da competição. Na última movimentação antes da viagem, o técnico Marquinhos Santos comandou um trabalho tático, na Curuzu. O Oeste é a única equipe que ainda não foi derrotada dentro de seus domínios nesta Série B.

Para evitar o desgaste, a atividade começou com um aquecimento leve. Em seguida, Marquinhos Santos comandou uma movimentação tática em apenas metade do gramado, passando orientações específicas para o elenco, inclusive nos trabalhos de cobranças de bola parada e posicionamento da zaga.

IMG_0405

Alguns jogadores fizeram um exercício à parte com o auxiliar Rogerinho Gameleira, treinando finalizações. A escalação ainda não foi definida pelo técnico. O Papão está com 23 pontos, ocupando a 15ª posição. Na rodada, a equipe paraense só pode ser alcançada pelo Figueirense, que recebe o Goiás, em Florianópolis, e tem 20 pontos. Mas, para passar o Papão, o Figueira terá que vencer por goleada e torcer por um mau resultado bicolor. (Fotos: Fernando Torres/Ascom-PSC)

11 de agosto de 2017 at 15:59 Deixe um comentário

Na bucha

DG6gPvRXoAAKuok

11 de agosto de 2017 at 15:11 Deixe um comentário

Parlamentarismo à brasileira

distribui

POR FERNANDO BRITO, no Tijolaço

Quem quiser ter uma ideia do que seria o parlamentarismo no Brasil, leia a reportagem da Agência Estado  com dirigentes do PP e PSD produzida pelo Estadão.

Dizem que vão parar as votações econômicas na Câmara se Michel Temer não redistribuir os doces do Governo segundo o “bom comportamento” dos meninos parlamentares. Dizem “na lata”, sem medo de serem fisiológicos:

“É isso que precisa ficar claro. É cargo que faz ter essa calmaria política, se for, resolva o problema dos cargos. Não, são as emendas impositivas. Resolva as emendas impositivas”, disse Marcos Montes, do PSD.

A chantagem é clara, explícita, obscena:

Se chegar (uma segunda denúncia) num cenário desses, é o fim da linha para o presidente”, afirmou ao Estadão/Broadcast o líder do PP na Câmara, Arthur Lira (AL), ruralista como o colega e habitante da Operação Taturana, que apurou a ação de uma quadrilha se apropriava de recursos da Assembleia de Alagoas, através de sua folha de pagamentos, com a inclusão de funcionários fantasmas e laranjas.

Mas isso não vai ficar assim. Com o “distritão”, vai mandar a “nobreza de província” e aí a coisa fica mais clara.

11 de agosto de 2017 at 14:59 Deixe um comentário

Papão vai às compras

35815576650_181fcaf988_z

POR GERSON NOGUEIRA

Diante do alvorecer de uma crise decorrente dos maus resultados em casa, a diretoria do Papão tratou de reformular seus planos para o restante do Brasileiro da Série B. A princípio, havia a perspectiva de mudanças na equipe responsável pelo futebol, mas as reuniões que aconteceram nos dias seguintes à derrota para o Figueirense acabaram servindo para organizar as prioridades. Nesse sentido, ficou claro que não seria possível partir para uma reformulação – mesmo parcial – do elenco sem a presença do executivo de futebol.

Como o trabalho de Marquinhos Santos no comando técnico é avaliado como bom, diante das circunstâncias e contando com o fator atenuante de que não montou o elenco, os esforços passam a se concentrar na melhoria de qualidade do grupo.

Por essa razão, o clube vai se empenhar em buscar jogadores para os setores mais críticos do time. É óbvia a necessidade de mais um zagueiro de área, laterais para os dois lados, um atacante e o tão desejado e esperado camisa 10.

A curta temporada de caça aos reforços já começou. Está na fase de prospecção de nomes, mas não será concretizada enquanto não forem desligados alguns jogadores. O mau rendimento de alguns atletas fez com que a comissão técnica e a diretoria optassem por liberações, que podem ser definitivas ou por empréstimo – no caso de jogadores cujos direitos pertencem ao clube.

A montanha-russa vivida pelo Papão no campeonato não pode ser atribuída exclusivamente a jogadores em má fase. Existem outros fatores que contribuem para o atual estado de coisas, mas há a percepção quase unânime de que a política de contratações para a Série B está na origem da maioria dos problemas.

No ano passado, o começo foi até mais assustador, levando a mudanças drásticas e contratações de emergência. No segundo turno, porém, um grande acerto resultou em bálsamo para quase todas as mazelas do time. A vinda de Tiago Luiz, meia-atacante de boas passagens por Santos e América-MG, deu um jeito no caótico setor de criação e ainda adicionou potencial ofensivo. Um quase milagre.

Foi graças ao camisa 10 que o Papão afastou os riscos de rebaixamento, acalmando-se na competição, embora sem maior brilho. É o exemplo de Tiago Luiz que baliza as análises deste momento. Tudo começa pela arrumação da meia-cancha, afinal toda a engrenagem depende de qualidade na transição e criatividade nas jogadas que originam os ataques.

O grande xis do problema é: como encontrar um novo Tiago Luiz, a essa altura do pagode¿ Nas séries A e B não há armador com as mesmas características em disponibilidade. Restam as opções da Série C, onde alguns atletas demonstram um nível até superior a muitos que desfilam na Segunda Divisão.

Recentemente, por exemplo, enfrentaram o Remo em Belém os meias Doda (ASA) e Tito (Confiança), além dos atacantes Leandro Kível (ASA) e Elias (Cuiabá). Arrisco dizer que o quarteto citado está alguns degraus acima de similares que o Papão tem hoje.

Resta, portanto, ter olhos perspicazes para descobrir as peças certas, grana para desembolsar e contar sempre com o fator sorte, pois o futebol vive a ensinar que não é uma ciência exata. Atletas que se destacam num time nem sempre representam garantia plena de êxito em outra agremiação.

—————————————————————————————

Direto do Twitter

“Colo Colo, Olímpia, Estudiantes de La Plata, Atlético Nacional e Nacional do Uruguai… Campeão? O Botafogo traça. Próximo agora é o Grêmio”.

Cláudio Arreguy, jornalista mineiro

“É preciso registrar mais uma vez que o craque da Libertadores-2017 foi esquecido por Tite e ninguém falou nada. #chapapimpão”.

André Rizek, jornalista – SporTV

—————————————————————————————

Convocação de Tite volta a gerar questionamentos

Baixa um certo clima de desconforto quando Edu Gaspar, o executivo da Seleção, anuncia os nomes de Alisson, Fagner, Rodrigo Caio, Giuliano e Taison. São jogadores que Tite insiste em prestigiar, mas cuja qualidade é questionada abertamente.

Óbvio que os técnicos têm aqueles jogadores de sua cota de confiança. Apostam nos caras e enxergam virtudes impossíveis de serem notadas a olho nu. Mestre Telê adorava Elzo. Parreira era fã de Viola. Dunga levou Josué e Felipão curtia Hulk, e por aí vai.

Por ora, a teimosia de Tite não tem resultado em nenhum dano à sua imagem como comandante do escrete. Invicto, com a Seleção liderando as Eliminatórias e o ranking da Fifa, tem licença até para errar. Duvido que a situação continue amena se os ventos da bonança pararem de soprar.

(Coluna publicada no Bola desta sexta-feira, 11)

11 de agosto de 2017 at 1:00 5 comentários

Rock na madrugada – Gilberto Gil, Back in Bahia

11 de agosto de 2017 at 0:54 Deixe um comentário

Peixe despacha o Furacão

11 de agosto de 2017 at 0:44 Deixe um comentário

Fogão elimina outro campeão da Libertadores

11 de agosto de 2017 at 0:41 Deixe um comentário


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,360,432 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 12.885 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

Jorge Paz Amorim em Papão sai no lucro
09751 em Capa do Bola – quarta-fe…
Osvaldo Costa em Papão sai no lucro
Antonio Oliveira em A canonização de Aécio
Filipe Rocha em A canonização de Aécio

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: