A OAB e sua incoerência

22 de maio de 2017 at 1:14 2 comentários

POR JÂNIO SIQUEIRA, no Facebook

Nem abaixo nem acima de quem quer que seja em dignidade moral, e sem me atribuir qualquer santidade ética, entendo não ter que pedir licença a ninguém para discutir aqui a postura política da minha Instituição (OAB), nessa sua decisão de ontem, de formular pedido de Impeachment contra o Presidente TEMER.
E o que me chama a atenção, desde logo, nesta postura política da OAB FEDERAL é o fato de ela não ter tido a mesma indignação cívico-moral nos tristes fatos que levaram ao Impeachment da ex-Presidente DILMA ROUSSEF !!! Ela (a OAB), àquela altura, se manteve fria, arredia e distante daqueles fatos. Pergunta-se: por que foi omissa naquele momento histórico, e agora, tão apressadamente, com os fatos ainda nebulosos, se mostra tão aguerrida na defesa da moralidade pública ???
Com o destemor e a independência de pensamento e de opinião que deve ter todo advogado, penso livremente que a OAB, como Instituição, desprezou a coerência nestes dois momentos políticos distintos. E deixou sérias dúvidas na sua postura institucional nestes dois episódios: agora, nos fatos de hoje, envolvendo o Sr. MICHEL TEMER, revela-se patriótica e altiva; nos de ontem, envolvendo a Sra. DILMA ROUSSEF, revelou-se silente e com uma indiferença um tanto disfarçada !!! E assim, com tal dubiedade, renegou sua coerência histórica construída ao longo da sua existência. Pergunto: o que está por detrás disto ??? Por que duas atitudes diferentes e contraditórias diante de fatos semelhantes, de aparente improbidade moral e administrativa dos Mandatários da Nação ???
Sinceramente, meus Colegas de Classe, façamos também a nossa parte..!!! Acho que também é chegada a hora da OAB dar seu exemplo para a Nação e fazer seu ‘dever de casa’…!!! E, como Instituição livre, patrimônio da sociedade civil, que busca servir de exemplo de moralidade pública, deveria iniciar, com URGÊNCIA, uma ‘limpeza ética’, uma ‘faxina ética’ nos seus próprios quadros. Tornando público, por exemplo, Processos disciplinares que envolvam advogados que emporcalham suas mãos, apropriando-se do dinheiro particular de seus clientes !!! Este já seria um pequeno-grande exemplo para a mudança sadia das Instituições e para o surgimento de um NOVO BRASIL, que queremos e aspiramos com URGÊNCIA !!!

(*) Jânio Siqueira é advogado criminalista. 

Entry filed under: Uncategorized.

Sinal de alerta ligado Enquanto isso…

2 Comentários Add your own

  • 1. Gilberto José Muniz  |  22 de maio de 2017 às 11:44

    Em 1969, concluí o colegial Tec. em Contabilidade, sendo admitido na empresa de auditoria Delloite, onde aprofundei meus estudos contábeis. Em 1974, graduado em Ciências Contábeis, encontrando a direção certa para minha profissionalização, por atuar no lado probo da vida. Em 1984, graduado em Direto, entre dezenas de outros aprendizados em minha vida estudantil e profissional, optei em não exercer o cargo de Advogado, com minhas vênias a tantos que conheço e admiro, exatamente, pelo ambiente promíscuo, que pude presenciar em meu estágio efetuado, em todos os órgãos, pela presença massiva, da corrupção, ativa e passiva, normal em muitos processos. Numa Delegacia de Polícia, um eterno trambiqueiro alinhadíssi
    mo, preso em fragrante, conversava animadamente com o Delegado, quando pude ver a chegada de carros com personalidades locais, abraçando o Delegado e se fechando em sua sala, mas no exato momento, havia um , alcunhado ladrão, preso, pelo roubo insignificante de gêneros alimentícios básicos, para o sustento de sua família de muitos filhos. Hoje, em 2017, existem 53% de presos provisórios – sem julgamento, em prisões piores do que os ambientes mais sujos que se conhece.

    Curtir

  • 2. Antonio Oliveira  |  22 de maio de 2017 às 13:32

    Estou enganado, ou o autor em certo trecho da postagem, considera semelhantes a situação da impedida e a situação do temerário? Me refiro a esta passagem do texto:

    “E deixou sérias dúvidas na sua postura institucional nestes dois episódios: agora, nos fatos de hoje, envolvendo o Sr. MICHEL TEMER, revela-se patriótica e altiva; nos de ontem, envolvendo a Sra. DILMA ROUSSEF, revelou-se silente e com uma indiferença um tanto disfarçada !!! E assim, com tal dubiedade, renegou sua coerência histórica construída ao longo da sua existência. Pergunto: o que está por detrás disto ??? Por que duas atitudes diferentes e contraditórias diante de fatos semelhantes, de aparente improbidade moral e administrativa dos Mandatários da Nação ???”

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,398,019 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 12.958 outros seguidores

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: