Papão entra com força máxima na decisão da Copa Verde

98884_horizontal

Pela primeira vez na história o estádio Mangueirão sediará a final da Copa Verde. Atual campeão, o Paissandu decide a competição nesta terça-feira com o Luverdense, às 20h, horário de Brasília. Como o gol fora de casa é critério de desempate, o time mato-grossense tem a vantagem de poder perder por até um gol de diferença em Belém – o primeiro jogo terminou 3 a 1 para os cuiabanos. O campeão garante uma vaga direta nas oitavas de final da Copa do Brasil de 2018.

Nas duas finais que alcançou, em 2014 contra o Brasília e 2016 com o Gama, o Paissandu decidiu ambas fora de casa. A oportunidade de jogar diante da torcida pode ser decisiva na briga pelo bicampeonato. Para ser campeão direto o time precisa vencer por três gols de diferença, o que aconteceu quatro vezes nesta temporada. Se repetir o placar do primeiro jogo a decisão sairá das cobranças de pênalti.

Já o Luverdense vem de uma temporada ainda em branco. O time caiu na semifinal do Campeonato Mato-Grossense para o Cuiabá e busca o título da Copa Verde para afastar a desconfiança do torcedor. No último final de semana os cuiabanos caíram para o Juventude no Alfredo Jaconi por 2 a 1 na estreia da Série B do Campeonato Brasileiro, enquanto o Paysandu bateu o Oeste por 2 a 0 em Belém, com gols de Bérgson e Fernando Gabriel.

Durante a semana Marcelo Chamusca trabalhou com algumas mudanças no time titular. O meia Diogo Oliveira e o atacante Bergson, poupados em Cuiabá, voltam ao time titular. Leandro Carvalho, que não tinha escalação garantida devido a uma contusão, foi liberado na manhã desta terça-feira e vai para o jogo.

O técnico Júnior Rocha não tem nenhuma baixa para o jogo. O meia Marcos Aurélio e o lateral direito Aderlan, que foram poupados contra o Juventude, voltam ao time titular no lugar de Alaor e Gabriel Passos, seus substitutos respectivamente. O zagueiro Neguete fica à disposição no banco de reservas, com Pierre e Dalton no time titular. No restante o grupo não deve ter grandes mudanças.

“Vamos respeitar eles, mas não significa que temos que ir retrancado lá. Queremos uma equipe novamente ofensiva e não vulnerável. O comprometimento dos atletas tem sido maravilhoso. O modelo de jogo vem dando certo”, disse o técnico Júnior Rocha. (Com informações de Ag. FI)

ESCALAÇÕES

Paissandu – Emerson; Ayrton, Gilvan, Perema e Willian Simões; Augusto Recife (Wesley), Rodrigo Andrade e Diogo Oliveira; Leandro Carvalho, Alfredo e Bergson. Técnico: Marcelo Chamusca

Luverdense-MT – Diogo Silva; Aderlan, Pierre, Dalton e Paulinho; Ricardo, Marcos Aurélio e Douglas Baggio; Rafael Silva, Raphael Macena e Erik. Técnico: Júnior Rocha

Árbitro – Rodrigo Batista Raposo (DF)

Um comentário em “Papão entra com força máxima na decisão da Copa Verde

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s