Vale a pena ver (sempre) – “A Embriaguez do Sucesso”

10 de abril de 2017 at 11:49 Deixe um comentário

SweetSmellofSuccess1957_24062_678x380_10252013022316

O subserviente assessor de imprensa Sidney Falco (Tony Curtis) é a contra-face na medida certa para o arrogante, inescrupuloso e manipulador colunista social J.J. Hunsecker (Burt Lancaster) em “A Embriaguez do Sucesso”, obra-prima dirigida por Alexander Mackendrick (1957). Ao longo de 90 minutos o filme descreve uma relação sempre tensa, alimentada por ironia, cinismo e mútua dependência. Com fortes influências do cinema noir, a obra é uma crônica sobre amor e ódio tendo como pano de fundo o jornalismo de futilidades e pequenas maldades.

Os diálogos concebidos por Clifford Odets e Ernest Lehman são autênticas metralhadoras de sarcasmo e desapreço. À época do lançamento nos Estados Unidos, o personagem de Hunsecker foi comparado ao conhecido colunista social Walter Winchell, que usava sua coluna para desancar o sujeito que queria se casar com a sua filha.

Já Martin Scorsese, em A Personal Journey with Martin Scorsese Through American Movies (1995), põe Hunsecker no mesmo patamar do senador conservador Joseph McCarthy, que se cercava de uma rede poderosa de informantes e bajuladores. Suas táticas de intimidação o tornaram uma instituição nacional, mas sua desfaçatez moral se revelaria posteriormente. O filme trata de jornalismo, mas é, acima de tudo, um tratado sobre o cinismo e a manipulação das pessoas.

Lembro que a primeira vez que vi “A Embriaguez do Sucesso” fiquei impressionado com o show de imagens em preto e branco – fotografia de James Wong Howe. A trilha sonora em tons jazzísticos foi confiada a Elmer Bernstein. As tomadas noturnas conferem ao filme o mérito de fazer um retrato primoroso da Nova York dos anos 50. Em meio à luminosidade dos faróis dos carros e letreiros de lojas emerge a verdadeira atmosfera sombria desse drama sujo. “I love this dirty town”, costuma resmungar Hunsecker ao caminhar pelas ruas da Big Apple.

Entry filed under: Uncategorized.

Gigantes da MPB – Caetano Veloso Daniel Alves enfrenta o Barça pela primeira vez

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,187,696 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 19.817 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

blogdogersonnogueira em Rogerinho segue no comando enq…
Antonio Oliveira em A arte de Atorres
Antonio Oliveira em A frase do dia
camiloferreira em Capa do Bola – quinta-fe…
Nelio em Leão negocia com ex-centroavan…

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: