A volta à escravatura

13620359_10207945782816616_4408065065261091991_n

Cartaz do Século XIX: “8 horas para trabalhar; 8 horas para descansar; 8 horas para fazermos o que quisermos”. 

Mas, se você é anti-sindicalista e acha que trabalhador tem que ser escravo, já pode adotar a jornada de 80 horas semanais sugerida ao interino golpista pelos empresários da CNI. E não reclame.