Goleiro mais alto não evita gol em bola aérea

O goleiro Jefferson não escondeu a tristeza por ter sido reserva de Alisson no duelo da seleção brasileira desta terça-feira contra a Venezuela, pelas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018. Após o duelo, que teve triunfo do time canarinho por 3 a 1, o atleta desabafou em conversa com jornalistas. “Fiquei bastante triste”, afirmou Jefferson. “Ao mesmo tempo respeitando a opção do professor Dunga e meu companheiro Alisson. A comissão técnica passou total confiança no meu trabalho, faz parte”, analisou o jogador.

Jefferson disse que recebeu a notícia na noite de segunda, sendo consolado pelo ex-goleiro Taffarel, que faz parte da comissão técnica de Dunga. “O Taffarel me chamou e disse para eu ficar tranquilo, pois a confiança em mim ainda era grande. Ninguém quer ser reserva, mas acho que tem que ter respeito pelo companheiro. O Dunga já me deu muitas oportunidades, preciso trabalhar para ter novas chances”, continuou Jefferson.

“Não sei (se fui crucificado pela derrota no Chile), não posso dizer, mas às vezes sobra para alguém mesmo. Vou levantar a cabeça e continuar trabalhando”, disse o goleiro. Pouco antes, Dunga justificou a escolha devido às bolas aéreas da Venezuela – o gol, inclusive, saiu em lance assim. “Conversamos muito com os jogadores, todos têm que estar preparados para jogar. Quem entrar, tem que dar algo a mais. Era uma equipe que aposta nas bolas aéreas, o Alisson tem boa estatura”, declarou o treinador. (Da ESPN)

Um comentário em “Goleiro mais alto não evita gol em bola aérea

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s