3 comentários em “No sufoco, Bahia vence o Paraná

  1. Coisas de amor ao Remo, amigo Cláudio. Marlon é remista e não conseguiu se desfazer disso quando esteve no Papão… Ainda mais com a vida feita… Situação diferente de Jonhantan, que mesmo nascido em uma família de remistas, precisa vencer no futebol… Em síntese, isso é mental, não é proposital.

Deixe uma resposta