Seleção dos piores do futebol paraense

Imagem

A fim de atiçar o debate e provocar os leitores a criarem suas próprias listas, o blog apresenta sua seleção dos piores da temporada 2012 no futebol paraense:

Goleiro: Dalton (PSC). Quase 2m de altura, fraco nas saídas de gol e nas bolas rasteiras, virou o terror da galera do Papão. A chegada de João Ricardo (reserva do Rio Branco) trouxe o alívio necessário, finalmente tranquilizando a defesa.

Lateral-direito: Cássio (Remo). Só tamanho e lambança. Fez umas duas burradas em campo nas finais do Parazão e nunca mais foi escalado.

Zagueiro 1: Ávalos (Remo). Disparadamente, o perna-de-pau da temporada. Já estava se aposentando quando foi contratado. Entregou o ouro azulino contra o Mixto a poucos minutos do fim.

Zagueiro 2: Tiago Costa (PSC). Começou bem, ainda no campeonato paraense, mas andou pregando sustos terríveis na torcida sempre que entrava em campo na Série C. Prova de que a base não é imune a decepções.

Lateral-esquerdo: Aldivan (Remo). O saudoso jogador, gente boa e amigo de todos, fez no Parazão e na Série D sua pior temporada por aqui. Pela esquerda da zaga remista conseguiu inaugurar a “avenida” Aldivan, tal a facilidade que os times adversários encontravam pelo setor.

Volante 1: Fabinho (PSC). Homem da confiança de Roberval Davino, enganava ali pelo meio. Jogo com ele não saía daquele mormaço, sem acrescentar rigorosamente nada. No Pará, devemos ter uns 300 do mesmo nível.

Volante 2: Márcio Tinga (Remo). Por pequena margem, volante de quinta categoria que enterrou o Remo na Série D superou o veterano Alceu, que chegou junto com Marcelo Veiga e também não mostrou a que veio.

Meia 1: Laionel (Remo). Demorou mais de um mês para estrear e entrou no time para ficar fazendo firula e errando passes e lançamentos. Um dos grandes fiascos do Remo no Parazão.

Meia 2: Alex William (PSC). Jogava uma partida, iludia o torcedor e depois passava uns dois meses descansando. Só jogou bem na estreia, em amistoso contra o Remo. Um chinelinho juramentado. Outro da confiança de Davino.

Atacante: Mendes (Remo – foto abaixo). Imbatível (pela ineficiência) no ataque remista. Para completar, ainda torcia contra o próprio time na concentração. Um Emerson Sheik que não deu certo.

Imagem

Atacante 2: Adriano Magrão (PSC). Conseguiu a incrível façanha de atravessar quase todo o Parazão (estreou no final do primeiro turno) sem marcar um golzinho sequer. Tirou o pé da lama contra o Sport, pela Copa BR. O (mau) desempenho de Magrão superou até o do glorioso Pantico, outro que só fez um gol durante a passagem pela Curuzu.

Bonde do ano: Ávalos (Remo). Absoluto, imbatível, inigualável.

Pior treinador: Givanildo Oliveira (PSC – foto lá no alto). Queimou a história vitoriosa com o mais longo jejum de sua carreira – sete jogos sem vencer na Série C. Superou rivais de peso na temporada, como Edson Gaúcho, Sinomar Naves, Roberval Davino e Marcelo Veiga.

Menções honrosas: Panda, Balu, Diego Barros, Santiago, Adenísio, Nenê Apeú e Harison.

(Fotos: MÁRIO QUADROS/Arquivo Bola)

51 comentários em “Seleção dos piores do futebol paraense

  1. rsrsrs…. Esse amigo Gerson adora uma confusão… Te dizer..

    Meu time dos Piores, em Remo e Paysandu, tem de tudo:

    1- Jamilton, 2- Cássio, 3- Thiago Costa, 4- Santiago e 6- Brayan. 5- Neto, 8- Harison, 7- Alan Peterson e 10- Líneker. 11- Adriano Magrão e 9- Mendes.

    Técnico: Sinomar Naves

    Destaques, pela incompetência em 2012: LOP e Cabeça

    Craque da Incompetência em 2012: Sérgio Cabeça

    É a minha opinião.

  2. essa seleção do Blog, tem consistência, concordo apenas trocando o técnico para Roberval Divino, né caro Claudio rsrsrsr !!!!!!!!

  3. Quase perfeita, só não colocaria o Aldivan, mesmo que ele tivesse sido o pior.

    E o tecnico disparado é o Edson gaúcho, pq?

    O Giva teve a consciencia de sair na hora certa, a hora que ele achava que podeira mais atrapalhar do que ajudar. Mas indicou alguns nomes, entre eles o Gaibú q foi decisivo no acesso do papão.

    Já o seu gaucho além de repetir os velhos erros de sua carreira ainda trouxe algumas bombas como esse folgado do Mendes.

    1. Amigo Edson, entendo sua posição, mas a lista tem que ser imparcial e coerente. Sempre critiquei a atuação do Aldivan neste ano. Seria cabotino e hipócrita se mudasse minha avaliação em função do ocorrido com o jogador.

  4. Nesta lista dos piores consta alguns jogadores de confiança do treinador Roberval Davino,se fosse indicação do Lecheva o Claudio columbia cairia matando dizendo que treinador local não sabe contratar e coisa e tal.como o remo é o único time do parazão que tem treinador importado,o Claudio deve ter convicção que o titulo já esta garantido para o leião.

  5. Escriba baionense, algum problema comigo?Dirigi-me a vc em mais de duas oportundidades e não fui atendido.Vi que nesse ínterim você respondeu e fez interação com outros comentaristas.Inclusive perguntei já tres, quatro vezes com essa, sobre o estado de saúde dos jornalistas T.Neves e Sergio Noronha .Agradeço se ler minhas postagens anteriores , e perdão caso o motivo de não ter respondido tenha sido o de não tê-las lido.Abraço.

    1. Nenhum problema, pastor. Tudo na mais perfeita ordem. Seja bem-vindo como sempre e como todos os demais comentaristas.

    1. Amigo pastor, Tavernard continua hospitalizado, em estado grave. Quanto ao companheiro Noronha, não tenho informações atualizadas. Precisamos todos orar por ambos, figuras de primeiríssima linha.

  6. Escriba tá certo , estamos falando de futebol e em vida no último ano da carreira e no Remo Aldivan ( que Deus o tenha) deixou e muito a desejar.outro dia em um blog daqui de C.Grande/MS um rapaz disse que não votaria em Messi como o melhor do mundo porque é Argentino.Um outro disse que não votaria em Pelé como melhor do mundo porque o Pelé reconheceu somente por força de lei a filha Sandra Regina (que faleceu recentemente).Não podemos misturar as coisas.Lembro-me que postei dizendo a ele que o cidadão Edson Arantes pratica e praticou equívocos , não tem nada a ver com o futebol jogador por Pelé.ASSIM TAMBÉM penso que está certo o escriba, Aldivan naõ jogou nada no Remo, falo do jogador, em campo.
    Do Homem pacato , humilde , correto profissional e pai de família responsável só tenho a lamentar sua morte prematura.

    1. Além do que, pastor, a seleção é produto de escolhas baseadas no aspecto técnico, sem qualquer caráter ofensivo.

  7. então lá vai minha lista:
    01 – Dalton
    02 – Dida
    03 – Da Silva
    04 – Ávalos
    06 – Aldivan
    05 – Fabinho
    08 – Adenísio
    07 – Alex Wilian
    10 – Leo Medeiros
    11 – Adriano Magrão
    09 – Mendes

    Banco:
    Adriano
    Diego Barros
    Bryan
    Kariri
    Harison
    Pantico
    Nenê Apeu

  8. Caro Gerson,

    Nao se trata de hipocrisia. Apenas, a meu sentir, uma questão de respeito. Todos os demais podem responder e, eventualmente, discordar de sua seleção. Menos Aldivan. Só’ isso.

  9. “Paredão” no lugar do Estranho; Diego Barros no do Thiago, que foi ruim, mas tem 18 anos; Bryan no do Aldivan, o falecido pode não ter tido um bom campeonato, mas não foi o pior da posição; Reis no lugar do Alex Wiliam; Nenem Apeú no lugar do Magrão. O técnico o João Lari-Lari Bocão que quase rebaixa o Águia. Agora dirigentes, toda a diretoria do Remo que fez este ano as maiores vergonhas da vida do clube.

  10. A minha: Jamilton,Dida,Diego Barros,Aválos e Bryan;Adenísio,Alceu,Harisson e Laionel; Adriano Magrão e Rafael Mendes.

    Perna de pau mor: Diego Barros

    Técnico:Flávio lopes

    Decepção da temporada: Robinho

  11. Vai a minha lista dos craques da temporada:

    Paulo Rafael,Pikachu,F.Sanches,Perema e Rairo;Capanema,Billy,Gaibú e Ratinho;Potiguar e Paty.

    Técnico: Lecheva
    Craque: Pikachu

  12. Na minha postagem 28 coloquei Rafael Mendes de propósito,pois foi duro achar o menos horrível entre Rafael Oliveira e Mendes, daí a junção.hehehehehehe

  13. Por falar em Tavernard, há cerca de 2 meses atrás cruzei com ele no supermercado e que ví que o mesmo estava bastante abatido.

  14. O pastor parece preocupado com a saude de pessoas que nos sao queridas.Concordo plenamente. Mas, um homem que cuida da salvação das almas, deveria tambem estar mais atento ‘a memória dos que já se foram…

  15. 1-Adriano; 2-Dida ,3-Diego Barros, 4-Ávalos ,6-Panda ; 5-Fabinho, 7-Adenísio ,8-Alex Willian,10-Harison ; 11-Adriano Magrão(Apesar da raça) e 9-Mendes .

  16. O Dalton não abteve um primor em suas atuações,mas não comprometeu ao ponto de ser considerado o pior ,já o arqueiro Adriano,do Remo,foi uma decepção este ano,na meta Azulina. Além disso,o Thiago Costa começou bem,porém declinou seu desempenho ao transcorrer da temporada,mas ,mesmo assim,não foi pior que o Diego Barros,na minha maneira de ver. Já A.Willian e Harison,com certeza ,não jogaram absolutamente nada,a não ser no amistoso contra o Remo e segundo tempo frente o Luverdense,lá,em Lucas do Rio Verde,caso do A.Willian,já no Caso de Harison,exibiu-se bem,apenas nos 15 minutos finais contra o Sport,na Ilha do Retiro,e o Primeiro tempo frente o Fortaleza,no Ceará,muito pouco para o que poderiam produzir… O restante da lista,não foi bem na temporada. Só fiquei em dúvida quanto ao ala direito,mas acompanhei alguns relatores.hehe.

  17. É verdade Édson,o amigo Mateus,de Tucuruí,tomou um chá de sumiço do blog. Por onde andará ? Tomara que esteja bem,com as graças de Deus !

  18. Acertadíssima essa lista do Gerson, só excluiria o saudoso Aldivan da mesma, pelo fato do mesmo já não se fazer presente no mundo dos vivos. Mais caberia muito mais gente nessa seleção de piores, acho que daria para formar quase uns (cinco) times entre jogadores chinelinhos e pernas de pau…Quem lembrar de mais alguns, que acrescente ao caldo que está muito bom, bom, bom! kkkkkkkkkkkkk

    Outra coisa, esse novo gerente de futebol do Paysandu ate parece com o ator marcial, que interpretou o rival do JEAN CLAUDE VAN-DAMME no filme – O grande dragão branco, o lendário ator BOLO YONG – codinome Chong Lee no filme de ação…kkkkkkkkkkk

    E muita semelhança, basta prestar atenção no mesmo!!!kkkkkkkkkkk

  19. A safra foi boa este ano para escolher os piores que muitos nem foram lembrados, mas no quisito técnico o Davino foi sinistro.

  20. Égua, foi tanto jogador ruim que esquecemos do pior de todos, talvez porque o cara foi tão ruim, mais tão ruim que ninguém lembrou dele. Então o trofeu perna-de-pau vai para o Márcio Tinga!

  21. Goleiro Dalton (ainda bem que se machucou)
    Lateral: Cássio (Régis foi mal, mas não era tão ruim)
    Zagueiro: Ávalos
    Zagueiro 2: Diego Barros (Thiago é novo, entende-se o nervosismo)
    Lateral esquerdo: Aldivan (esteve muito mal este ano)
    Volante 1: Fabinho (não acertava tocar uma bola)
    Volante 2: Alexandre Carioca
    Meia: Alex (PSC)
    Meia 2: Laionel “Messi”
    Atacante: Magrão –
    Atacante: Mendes – Pântico na reserva
    Técnico: Davino (Giva pegou o barco andando, nem montou a equipe)

  22. Concordo com todas as listas, tem pra todos os gostos, isto prova a incopetencia dos nossos dirigentes, contratam através de vídeos mandado pelos empresários aí dá nisso, todos os amigos do blog do nobre escriba confusos pra saber quem foi o pior em cada posição, percebo que dá para montar vários times e fazer tipo amigos do Davino x amigos do Edson Gaucho ou ainda amigos do Flávio Lopes x amigos do Givanildo e por ai vai….O resumo desta opereta é que pagamos para ve-lo e os clubes eles pra não jogarem!!!

  23. Carlos Alberto meu querido não misturemos as coisas, antes de me criticar analise seu ponto de vista.Vc entra em contadição muito fácil.Se me preocupo com as pessoa e seu sempre fui assim, vivos ou mortos porque eu iria desrespeitar o HOMEM Aldivan ?
    Já argumentei contra Tavernard Neves aqui , discordando de opiniões dele, mas sempre com educação e respeito a pessoa dele.
    Já discordei do nobre Sergio Noronha com quem me encontrei no aeroporto quando eu vinha de Brasília e com quem almocei no est.das Docas , ou seja EU NÃO MISTURO as coisas.Tanto que posto aqui ENQUANTO torcedor.
    No meu blog e no twitter eu posto ENQUANTO Pastor e teólogo.
    O nobre escriba , eu e outros citamoS Aldivan ENQUANTO jogador de futebol.
    Aliás releia meu post anterior e vai ver que falo sobre isso.
    Quanto ao homem bom, caráter inquestionável e reputação ilibada todos sabemos que Aldivan foi.Quanto ao jogador , no Paysandu foI muito bom lateral esquerdo , inclusive para mim sendo um dos melhores lateraIs que vi jogar pelo PAPÃO(eNTÃO NÃO DEVERÍAMOS ELOGIÁ-LO porque morreu ?) .
    Mas o Escriba citou os piores do ano de 2012 e o JOGADOR , não o HOMEM, A PESSOA, Aldivan, mas o jogador foi em minha opinião o pior.Simples assim de compreender.
    Mais um exemplo QUE DOU: DR. Alonso foi um dos piores comentaristas desse blog, postava como torcedor, encrencava, desrespeitava, xingava com palavras torpes,mas como PROFISSIONAL E EXECUTIVO e amigo pessoal foi uma das melhores pessoas que eu já conheci na vida.Releia novamente e compreenda as discrepâncias.

    PS; nobre escriba.obrigado pela atualização sobre o estado de sáude e desde já estou orando pelos dois nobilíssimos citados.Amém.

  24. Ok, pastor. Sem ressentimentos. Apenas achei infeliz a escalaçao do saudoso lateral pelo blogueiro. Mas respeito as opiniões. Aceite um abraço.

  25. Não precisa se desculpar xará Alberto, está tudo bem, e nada de ressentimentos.É como llhe disse antes, não se pode misturar as coisas.Jogador em campo é uma coisa a pessoa é outra coisa.E pelo fato de Aldivan ter nos deixado tão prematuramente não se pode achar que em campo e quando vivo estava acima do bem ou do mal.respeito sua opinião.Um abraço a vc e a todos os seus.A propósito desde já desejo um Feliz Natal a vc e a todos do blog.

  26. A Redação do Bola foi infeliz ao publicar a matéria sobre os piores jogadores do ano. Sou torcedor do Paysandu, mas eticamente não achei legal divulgar os nomes dos jogares que merecem pouco respeito como está colocada na primeira folha do encarte. São profissionais, pais de famílias e que merecem sim nosso respeito. Temos bons e maus profissionais em qualquer área, afinal somos seres humanos. Bem que o Bola poderia divulgar também os piores profissionais do Rádio, pois ao meu ver tem muita gente ruim também nesse meio. Teve até um apresentador de programa esportivo que prefiro não citar aqui o nome por questão de ética, mas que chamou de perna-de-pau a quase todo o elenco do paysandu, e que depois esses mesmos jogadores conseguiram o acesso do clube à série B de 2013. Por sinal eu até deixei de escutar o programa desse apresentador por achar que ele se acha o sabedor de tudo. Bem que poderia estudar para ser treinador de futebol ou se candidatar a ser diretor de um clube, pois é muito fácil criticar quando se está com um microfone na mão. Lembro do Vandick quando começou a jogar no Paysandu e que em um dos jogos eu estava na Curuzu e ele saiu chorando de campo tamanha as ofensas que recebia da torcida. Felizmente deu a volta por cima, calou a boca de muita gente e se tornou um ídolo dos verdadeiros torcedores. O respeito é importante e esses jogadores que foram citados não tem culpa. Os maiores culpados são quem os contratou. Uma vez ouvi na própria imprensa que aqueles que enaltecem um jogador são os mesmos que depois atiram pedras. E isso eu pude comprovar agora. Como também não sou o dono da verdade, mas fica aqui o meu protesto e a nota “zero” para a “brilhante” matéria publicada.

    1. A crítica é válida, camarada. O humor é marca inescapável do Bola e, repito pela enésima vez aqui, não significa menosprezo ou insulto a quem quer que seja. A editoria elaborou uma lista com base no desempenho desses jogadores, ecoando o que os torcedores expressaram nos estádios diante de atuações danosas aos seus clubes. Quanto à crítica exercida por analistas, locutores e jornalistas, não há outro caminho a não ser o da seleção natural. Explico: maus profissionais não têm audiência, respeito ou prestígio. Quer punição maior para um comunicador? Quanto a eliminar por completo o direito à crítica, alegando suposto zelo ao respeito, me parece uma opinião primária ou própria de algum tipo de ressentimento disfarçado. Enfim, vida que segue.

Deixe uma resposta