2 comentários em “O passado é uma parada…

  1. No carnaval de 88 eu já não estava em Belém, o último em que estive na Doca foi o de 87 quando o intérprete da Arco-Iris foi Carlinhos de Pilares cantando “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura”.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s