Luciano Henrique permanece no Papão

Por falta de grana para pagar a rescisão, o meia Luciano Henrique foi reintegrado ao elenco do Paissandu e treinou normalmente na manhã desta quarta-feira, no estádio da Curuzu. Ele havia sido anunciado na lista de dispensados por ordem do presidente Luiz Omar.

Como diria o filósofo Bad Boy, o futebol não é para lisos.

13 comentários em “Luciano Henrique permanece no Papão

  1. Como diria o Ventinho “esse já pode ir”, e quem deve sair fora também é o Sidny que não tá jogando nada e ainda que fazer onda.

    A maioria desses jogadores não jogam nem por amor nem por dinheiro, pois se pelo menos jogassem pelo dinheiro, fariam de tudo pra vencer pra poder obter sucesso, ao contrário não jogam nada ou por que são ruins mesmo ou porque são um bando de verminosos.

    Curtir

  2. Gérson, quer dizer segundo o filósofo quem paga salários não é a instituição??`É por isso que a casa do Indio está repleta de ações. Pois estes endinheirados mandam buscar dizendo que pagam de seus bolsos???? e depois deixam o barco a deriva. A instituição é que tem que ser forte.

    Curtir

  3. Pessoal, deixem de falar besteiras a toa! O aLOPrado, tem e que pagar os salários atrasados dos jogadores sim. O Sidny e os outros estão corretissimos de cobrar os seus salários, pois se não receber, como poderão pagar suas dividas, ou será que algum torcedor do Papão vai pagar a eles, ou no minimo perguntar se eles estão precisando de alguma coisa…Deixem de bobagem, é vão para o estádio, que afinal de contas e, a única coisa que resta para gente e apoiar o time no jogo decisivo.

    Curtir

  4. Então ele que peça as contas e vá embora.

    Não vai porque não tem coragem, e se fica é porque não está sendo homem.

    Prefere enrolar como muitos.

    Curtir

  5. E meu caro, mais se não tirar os laranjas podres, tê-mo que esse suco azede! Charles Vagner, Luciano Henrique, Jorge Felipe, e outros mais, eram homens de total confiança do RF, logo os mesmos, se forem utilizados pelo massaranduba, irão fazer corpo mole, pois não tem mais nada a perder para eles. Eles estavam mal, sob o comando de seu protetor, como o mesmo não está mais à frente do barco, os mesmos não tem mais pretenções nenhuma pela frente.

    É um perigo ter no elenco, jogadores com perfis de repteis! Todo cuidado e pouco.

    Curtir

  6. Ouvi essa entrevista e gostei da posição assumida pelo Maçaranduba. Parece ter evoluído e fez críticas àquela orgia costumeira de contratações que alguns técnicos fazem. Quanto à dispensa de jogadores, não há dinheiro para pagar as indenizações. Resultado: mais um factoide do LOP foi desmascarado.

    Curtir

  7. Tú trabalha sem receber teu salário, é? Quem tem cumprir o papel é essa diretoria vergonhosa. Dá uma folha salarial de 600.000,00 para o Galvão e o Ferreirinha que eles ganham essa série “C” com o pé nas costas, irmão…O jogador quer receber o dele, não existe essa de fazer onda, não, entendeu? Deixa um pouco essa paixão de lado, ô!

    Curtir

  8. Galvão? Ferreirinha? Paysandu não é time amador rapaz.
    O dia que esse Galvão trabalhasse em remo ou Paysandu não ia aguentar um mês.

    Sobre o salário, tu acredita que ele tá 3 meses sem receber nada? Isso é papo, por que não reclamou a dois meses atrás.

    Aqui em Belém a coisa mais fácil é ver esses caras nos Pátio Belém com mulheres e com compras, tu acha que quem tá na pindaíba anda em shoping charlando?.

    Curtir

  9. Irresponsabilidade e falta de planejamento é o que se pode avaliar disso tudo. Não podendo, como montar um time de 600 mil? Confiar na torcida como disse no começo é não saber avaliar as circuntâncias que envolve uma torcida motivada ou não.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s