Sérgio Cosme é punido pelo STJD

O técnico Sérgio Cosme, do Paissandu, foi julgado na noite desta quarta-feira (30) pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por incidentes ocorridos na partida contra o Penarol (AM), pela primeira fase da Copa do Brasil. O treinador pegou uma partida de suspensão, mas só poderá cumprir após ser comunicado pelo órgão desportivo. Sérgio Cosme foi julgado no artigo 258, inciso II, do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD). O árbitro Mayron Fredrico dos Reis (MA) relatou na súmula da partida que o técnico “teria reclamado e se dirigido de forma desrespeitosa contra a arbitragem”.

Tribuna do torcedor

Por Alex Bernardes (alexybernardes@yahoo.com.br)

Este ano fazem 20 anos da conquista do primeiro título de expressão nacional do Paissandu: a 2ª divisão de 1991, pois bem, ouvi dizer que havia um projeto de relançar camisas históricas do Paissandu, não sei se procede, nada mais natural que a camisa desta conquista fosse relançada, o clube lucraria demais. Não sei se sabes, mas as camisas retrô são valorizadíssimas estre todas as torcidas do Brasil, vendem como água, valorizam a marca do time e trazem lucros, bem como repercussão em sites e comunidades camiseiras que há aos montes. Além de valorizarem a auto-estima do torcedor trazendo de volta lembranças felizes.
Eu mesmo sugeri por e-mail que esta camisa (era penalty com patrocínio da Unimed, lembra? Cacaio e cia) fosse reproduzida, em vão, pois bem, um site especializado em camisas retrô, que vende para todo o Brasil: o “Futebol Retrô”, pegou este filão e disponibiliza um modelo semelhante ao da época, embora lá eles digam que trata-se do uniforme de 1991, na verdade o que vendem é o modelo de 1992, que era igual, mas ao invés de Unimed o patrocínio era Coca-Cola. Além de um outro sem patrocínio. O feitio de ambos é igual ao da época, embora a reprodução não tenha muita qualidade, digo isto porque comprei esta camisa deste site.
De qualquer forma por inércia o time perde uma oportunidade de ouro de faturar muito e repercutir o nome Paissandu. Poxa, não é qualquer coisa, são 20 anos de nossa primeira grande conquista, naquele ano o Paysandu subiu um patamar, deixando de ser meramente regional. É uma pena, muita gente não sabe disto, mas já tem gente comprando. Como sempre nossa história e nossa torcida são grandiosos, mas os que dirigem nosso clube são de um amadorismo brutal. Por favor, sua voz é ouvida, repercuta isto. Como prova te mando em anexo as imagens das 2 camisas à venda neste site e o endereço dele para veres in loco: www.futebolretro.net.

Finazzi chega hoje para reforçar o Remo

A diretoria do Remo confirmou a chegada do atacante Finazzi, à meia-noite, para assinar contrato e reforçar o elenco para o returno do campeonato. A negociação chegou a ser interrompida porque o jogador está sem treinar desde o dia 9 de março e pediu pelo menos 20 dias para se recondicionar. Diante das dificuldades para contratar um artilheiro, o clube decidiu apostar em Finazzi, que tem 38 anos e já defendeu inúmeras equipes – Corinthians, S. Caetano, Ponte Preta e Fortaleza, entre outros.

Parazão teve público total de 142 mil

O primeiro turno do Parazão teve 34 jogos, atraindo um público pagante de 142.225 torcedores. A arrecadação total foi de R$ 2.233.380,50. Deste valor, foram descontados R$ 223.338,05 (FPF), R$ 111.669,03 (INSS patronal), R$ 37.670,63 (INSS empregador), R$ 142.225 x 0,1622.756,00 (Seguro), R$ 99.951,02 (despesas com arbitragem) e R$ 24.426,90 (serviços de terceiros).  As informações foram passadas, no final desta manhã, pela assessoria de imprensa da Federação Paraense de Futebol.

Remo traz atacante paraibano e quer Chiquita

O paraibano Jailton, que estava defendendo o União São João de Araras, será apresentado na tarde desta quarta-feira como novo reforço do Remo para o campeonato. Ele chegou durante a madrugada, trazido pelo superintendente de futebol, Armando Bracalli. Segundo os azulinos, Jailton está pronto para jogar. Além dele, o Remo deve contratar até amanhã mais três jogadores. Um deles deve ser o meia Edu Chiquita, que defende o Salgueiro-PE e mostrou suas qualidades jogando contra o Paissandu na Curuzu, pela Série C 2010.

Luxemburgo manda olheiro avaliar Rafael Oliveira

Como antecipei aqui mesmo no blog, o Flamengo está atento à produção de gols do bicolor Rafael Oliveira. Os 17 gols no campeonato chamaram atenção de Vanderlei Luxemburgo, principalmente depois que o rubro-negro/alviceleste Paulinho Oliveira detalhou as qualidades do jovem atacante paraense. No estádio Edgar Proença, nesta quarta-feira à noite, haverá um olheiro do Fla acompanhando a atuação de Rafael. Jaime, o observador, estará ao lado do próprio Paulinho, que tem excelentes relações com Luxa e com a diretoria comandada por Patrícia Amorim.

Barcelona de olho em Neymar, diz jornal

O diário esportivo “Mundo Deportivo”, da Espanha, estampou uma foto de Neymar, 19, e outro do italiano Giuseppe Rossi, 24, na capa da edição de segunda-feira. A publicação catalã diz que o Barcelona tem interesse na contratação de um atacante e os jogadores do Santos e do Villarreal seriam os alvos preferidos.  O site do “Mundo Deportivo” nesta terça-feira há uma análise detalhada sobre a revelação santista. “O Barcelona está muito atento a sua evolução”, diz a reportagem. Joan Martínez Vilaseca, ex-treinador do Barça de 1998 e 2008, afirma que Neymar se encaixaria com perfeição ao lado de Messi, Xavi, Iniesta e companhia. “Neymar é um fora de série”, conclui ao compará-lo com Ronaldinho Gaúcho. (Do Folhaonline)

Lula dedica título “honoris causa” a Alencar

O ex-presidente Lula dedicou o título de “doutor honoris causa” pela Universidade de Coimbra ao ex-vice presidente José Alencar. Lula recebeu o título nesta quarta-feira (30). “Perdeu-se um grande homem, que estaria muito feliz por esta distinção, que será dedicada a ele”, afirmou Lula durante a cerimônia. Alencar, 79 anos, morreu às 14h41 desta terça (29) em S. Paulo de câncer e falência múltipla de órgãos. Lula afirmou que o êxito de seus dois mandatos “não teria sido possível” sem a colaboração de Alencar. “Foi o meu parceiro de todas as horas, um dos homens mais íntegros que conheci, inequecível estadista que perdemos ontem para consternação de toda a sociedade brasileira”. A cerimônia começou com a entrada solene dos doutores da Universidade de Coimbra e das autoridades políticas presentes.

Lula iniciou seu discurso elencando o prestígio mundial da Universidade de Coimbra. Comentou sobre as universidades brasileiras e a importância da união dessas com instituições internacionais. Lula ainda falou sobre o êxito econômico do Brasil, obtido durante seu governo, e sobre o investimento em educação feito por ele.  ex-presidente disse que o título “honoris causa” recebido por ele significa um reconhecimentro às causas que o Brasil tem defendido no cenário internacional. No discurso, Lula disse considerar indispensável uma nova governança global, que passa por uma mudança no Conselho de Segurança das Nações Unidas. (Com informações do Folhaonline e do G1)

Cabras bons…