Meia argentino é a novidade de Cosme

O meio-campista argentino Martín Cortéz é a grande surpresa da lista de relacionados pelo técnico Sérgio Cosme para o jogo contra o Bahia, nesta quarta-feira (30), às 21h50, no estádio Edgard Proença, o Mangueirão, pela segunda fase da Copa do Brasil. No treino realizado no gramado do Mangueirão, nesta terça, o time titular teve Alexandre Fávaro; Cláudio Allax, Ney Baiano, Hebert e Elton Lira; Alexandre Carioca, Billy, Alisson e Alex Oliveira; Zé Augusto e Mendes. O zagueiro Ari se recupera de lesão, bem como Rafael Oliveira. Sidny também está no departamento médico. Todos, porém, irão atuar contra o tricolor baiano. Cortéz, que começou a treinar na semana passada, deixou boa impressão e pode ser aproveitado por Cosme no decorrer da partida. 

Jogadores relacionados para o jogo com o Bahia:

Goleiros: Alexandre Fávaro e Ney. Zagueiros: Ari, Hebert e Nei Baiano. Laterais: Allax, Sidny, Elton Lira e Brayan. Volantes: Billy, Alexandre Carioca, Alisson, Sandro e Vanderson. Meias: Alex Oliveira, Martín Cortéz e Marquinhos. Atacantes: Rafael Oliveira, Mendes, Zé Augusto e Héliton.

9 comentários em “Meia argentino é a novidade de Cosme

  1. Com excepção do Alex Oliveira(pelo que vem jogando) e rezando para ver se o Ari “acorda”, penso que o Paysandu vai com o que tem de melhor. Espero que o Sérgio Cosme tenha estudado bastante o adversário. É a minha opinião.

    1. Quanto ao Argentino acredito ser um bom jogador, Vamos ver se consegue funcionar taticamente. Boa sorte ao Papão.

      1. Claudio, acho que o SC vai tirar o Cortez da relação, pois não terá coragem de cortar nenhum medalão ou apadrinhado. Aposto que sairam Allax, Brian e Cortez.

      2. Pior que pode acontecer isso mesmo, amigo Otávio, até porque penso que ele não fez, sequer um coletivo e, até estranhei a presença dele nessa relacão, para esse jogo.

  2. Faz sentido seus comentários, realmente estes dois, são os pontos negativos do Paysandu! Se eles, conseguissem produzir algo ao clube, seria um grande favor que eles, fariam para os torcedores…Já quanto ao Argentino, tem cara de que sabe jogar futebol, agora resta saber se, e de campo ou de botão!

    1. E Cláudio, mais se ele for uma grande jogador (claro que no achismo) ele pode corresponder mesmo, não participando de um coletivo ou dos outros treinamentos! Mais isso, so poderemos saber, se ele realmente entrar dentro de campo. Mais como o tal Sergio Cosme, tem à grande vocação de queimar jogadores, ainda mais porque, não foi ele que indicou o hermano, e bem capaz do mesmo jogar sim.
      Agora eu te pergunto, cadê o promissor Djalma, que nunca mais houvi ninguém falar o nome dele, muito menos escrever em algum jornal da cidade, alguma noticia sobre o paradeiro do mesmo? Será, se ele também já não foi vendido para algum clube, por debaixo dos panos, que ninguém soube por aqui?

  3. Parabenizo o dono do blog pelas materias colocadas que tornam, de fato, mais atrativo este espaço. Quanto a escalação do argentino, penso que Cosme não vai de óculos escuro para treinar o time, logo deve ter a percepção se pode ou não contar com ele. Como foi relacionado, espera-se que entre pelo menos na 2a etapa, já que as peças históricas do museu bicolor não aguentam jogar todo o jogo. É esperar por uma boa apresentação bicolor, afinal ninguém ganha nada ou perde sem antes ser testado.

  4. Acho que ele corta o Allax e põe o hermano no segunto tempo no lugar o Alex Oliveira.
    O gringo protege bem a bola, é driblador e tem visão de jogo. É uma alternativa interessatíssima para o segundo tempo.
    Repito: acho que vai dar tango.

Deixe uma resposta