9 comentários em “Capa do Bola, edição de quarta-feira, 1º

  1. Não é por acaso que o bicolor amazônico é o papa títulos do norte. Quando há entrega faz acontecer. A Pantera pode assustar os mais fracos, com o lobo mau nem cautela ajuda.

  2. O jogo passado é pasado, até porque desfalques pesaram. Olhando pra frente o Caldeirão viltará a ferver e boa renda ao clube. Mais essa para incomodar os carentes.

  3. Acredito, Gerson e amigos, que se o Sandro e o Thiago estiverem bem, o Papão vence o jogo. Agora, o São Raimundo jogou com muita personalidade em Fortaleza e, me pareceu que o Paulo Rangel e o Joel, são bons jogadores. É bom não vacilar.

      1. Ah, mas não acredito que o paysandu precise “operar” o São Raimundo, não. Afinal, voltam os três titulares e corre risco de voltar o Moisés. Ademais, o São Raimundo, mesmo precisando, não me parece capaz, e nem parece ter ânimo, para surpreender na curuzu. Para se classificar que me parecer que só basta jogar futebol e nada mais. Sem stress.

      2. Embora possa dar margens para várias interpretações, quando digo que será, se preciso sem anestesia, refiro-me ao tíme bicolor. Que doa todos os músculos do corpo mais o esforço máximo poderá ser exigido.

      3. Eu sei disso, no contexto ficou bem claro. Mas é que não pude resistir uma forrazinha, de leve.

Deixe uma resposta