O campeonato dos elefantes brancos

Por Allan Caldas/Planeta que Rola

África do Sul se prepara para sua primeira temporada pós-Copa, mas o calendário lançado semana passada comprova o que muitos temiam: dos dez estádios usados no Mundial, apenas três receberão partidas do Campeonato Sul-Africano, que começa dia 28 de agosto: Moses Mabhida, Royal Bafokeng e Green Point. Embora Johannesburgo tenha quatro times na Primeira Divisão, nenhum deles mandará seus jogos no Ellis Park nem no Soccer City (foto) — o palco da final vai abrigar apenas um torneio de abertura da temporada, dia 7. O Bloemfontein Celtic prefere o Seisa Ramabodu ao Free State. O Mamelodi Sundowns e o Supersport United poderiam usar o Loftus Versfeld, mas vão continuar jogando em seus antigos estádios. Em Polokwane, Nelspruit e Port Elizabeth, o problema é outro: nenhuma das três cidades tem time na elite do futebol do país.

Não pense que no Brasil será muito diferente
Você se espantou com a inutilidade das arenas erguidas para a Copa-2010? Agora imagine quantos estádios do Mundial de 2014 serão usados na Série A: garantidos mesmo, só Maracanã, Beira-Rio, Mineirão e o de São Paulo, seja qual for. Provavelmente, o de Curitiba. Os de Recife, Salvador, Brasília e Fortaleza dificilmente estariam juntos num mesmo campeonato. O Vivaldão, em Manaus, o Verdão, em Cuiabá, e o Estádio das Dunas, em Natal, só em sonho.

11 comentários em “O campeonato dos elefantes brancos

    1. Hahaha, boa ideia, Berlli. Se bobear, ele empurra a sede social na “permuta” (termo tucano para a velha e manjada venda).

    2. kkkkkkk esse vovô BERLLI é muito engraçado kkkk até parece que a curuzu é um mangueirão kkkkk

      1. Não e um mangueirão, mais com certesa amigo, não à necessidade nenhuma de vender a “curuzu”, para capitânea recursos para a eleição de AK, que está louco por dinhiro, que se pudesse venderia a própria mãe, que dirá o “cortiço azulino” para ter este recurso financeiro.

  1. Serve para o campeonato de boi-bumbá em manaus…
    Pois nem time existe mais lá,e o campeonato de peladão é mais prestigiado de que a liga local.

  2. isso é falta do que fazer o dia e a noite toda eu hem ! é a falta kkkkkk

  3. Será que sediar Copa do Mundo de Futebol virou o grande mico dos anos 2000? É a festa das empreiteiras, e o rombo fiscal para o povo cobrir. Os interesses privados lucram – e o Estado (nós os contribuintes) assume o prejuízo.
    Temos informações assaz preocupantes em relação à Portugal – que sediou a Eurocopa.
    Nessa pisada ……….

Deixe uma resposta