Maradona volta a cutucar o Rei

Diego Maradona defendeu apaixonadamente a realização da Copa do Mundo da África do Sul e aproveitou para criticar Pelé em entrevista coletiva nesta sexta-feira. Referindo-se ao brasileiro como “morocho”, expressão em espanhol que significa moreno, Maradona lembrou que Pelé via com pessimismo o Mundial na África, principalmente por conta da segurança. “Alguém disse por aí que um senhor ‘morocho’ disse que a África não poderia receber a Copa. Cheguei aqui dois dias depois e falei com o Danny Jordaan (chefe do comitê organizador) e disse para ele ficar tranquilo, que tudo daria certo”, afirmou. Rasgando elogios à organização da Copa do Mundo, o técnico da Argentina vestiu a camisa da África do Sul e agradeceu à hospitalidade no país anfitrião do Mundial.

“As pessoas falavam que na África não dava para fazer o Mundial. Mas tudo o que estamos vendo aqui é mérito de Jordaan, que levou à frente esse projeto. A África do Sul vai mostrar para aquele ‘morocho’ que jogava com a 10 que pode fazer o Mundial”, completou.De acordo com Maradona, o pessimismo de Pelé começou depois do atentado à seleção de Togo durante a Copa das Nações Africanas, no início do ano. “Dois dias depois do atentado estive aqui e disse para a África do Sul continuar fazendo seus estádios e não ligar para os comentários. Ver tudo isso pronto agora me comove”, disse. Sem esquecer o Brasil em nenhum momento, Maradona também afirmou que o grupo do País no Mundial é díficil, mas garantiu que a Seleção Brasileira irá conquistar a classificação para a segunda fase. Para ele, a principal surpresa na primeira fase será a eliminação de Portugal ou Costa do Marfim.

Incrível como o Rei do Futebol incomoda a El Pibe… te dizer.

Um comentário em “Maradona volta a cutucar o Rei

Deixe uma resposta