Águia luta por conquista inédita

A partir das 16h, o Águia começa a lutar pelo inédito título de campeão estadual, façanha que até hoje foi negada a times do interior paraense. Pela segunda vez (a primeira foi contra o Remo), o Águia chega às finais do campeonato. Desta feita, com direito a abrir a decisão em seu estádio e diante de sua torcida. O técnico João Galvão fez mudanças na equipe que derrotou o Remo domingo passado. O goleiro Alan e o volante Analdo voltam e Soares foi efetivado no meio-campo, substituindo a Diego Biro. No ataque, mesmo com lesão no tornozelo, o centroavante Samuel está confirmado. Já o atacante Vando, também lesionado, deve ser substituído por Jales.

No Paissandu, Chales optou por três volantes no meio-campo, sinalizando que vai jogar com cautela, buscando o contra-ataque e explorando os espaços que o Águia deve abrir na defesa. Sem Sandro, Fabrício e Tiago Potiguar, todos suspensos, Charles montou a meia-cancha com Tácio, Alexandre, Zeziel e William. Foi com essa formação que o Paissandu aplicou sua maior goleada na competição, justamente os 6 a 1 sobre o Águia, na Curuzu, na fase classificatória do returno.

Águia – Alan; Ari, Bernardo e Charles; Vítor Ferraz, Daniel, Analdo, Soares e Aldivan; Samuel e Jales. Técnico: João Galvão.

Paissandu – Fávaro; Cláudio Allax, Leandro Camilo, Paulão e Edinaldo; Tácio, Alexandre, Zeziel e William; Bruno Rangel e Moisés. Técnico: Charles Guerreiro.

Local – Estádio Zinho Oliveira, Marabá.

Árbitro – Leandro Pedro Vuaden (Fifa-RS), auxiliado por Carlos Berkenbrock (Fifa-SC) e Márcio Eustáquio (Fifa-MG). Ingressos: R$ 20,00 (arquibancada) e R$ 50,00 (cadeira).

Na Rádio Clube – Cláudio Guimarães narra e Rui Guimarães comenta.

8 comentários em “Águia luta por conquista inédita

  1. Infelizmente para o Águia a decisão é contra o melhor técnico e o melhor time do cameponato. Tem cacife para ganhar do papa títulos hoje já que joga no seu terreno (Hipótese), mas caso isso aconteça tem uma semana para comemorar. No próximo domingo o cerco fecha e a arapuca está armada. Até que seria uma boa um campeão alternativo, mas pegar o papão bem treinado pelo Charles é caixão. Aguardemnos…

    1. Queria aqui resaltar que quando PSC meteu 6×1 na curuzú o time não era o mesmo pois Tiago atuou e fez seu primeiro gol no Parazinho como diz gerson

    2. Se o Cláudio ler esse seu comentário Berlli, ele vai querer te matar! Rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrrsrsrs.

  2. Galvao e mais tecnico e o bicola, como e irregular, nao da pra arriscar palpite. Alias, voces viram as contratacoes do SR?

    1. So bombas, bom ate que faz sentido caro Jorge, está chegando a epoca de festa junina, e os nossos clubes tem o prazer de contratar de acordo com a epoca.
      Em epoca de carnaval, sempre eles trazem jogadores barqueiros que adoram um bom samba no pé.

      Agora é tempo de bombas.

      É no fim de ano sempre tem os jogadores papais noeis, que adoram dar presentes para os adversários.

    2. Acho que como vc diz, o Glavão pode ate ser mais técnico que Charles, mais nenhum deve ao badalado Giba, que pra mim não passa de uma farça que consegue enganar certas pessoas.

  3. CHARLES GUERREIRO, ATUALMENTE O MELHOR TREINADOR DO ESTADO DO PARÁ, GALVÃO VEM E SEGUNDO E O TÉCNICO PAULO GAIAMUN, DO STº ROSA VEM EM TERCEIRO LUGAR.

    O TAL GIBA, NA MINHA PESQUIZA DEVE ESTÁ BEM ATRAZ DO SAMUEL CANDIDO, LÁ PELA SEXTA POSIÇÃO!

Deixe uma resposta