12 comentários em “Capa do DIÁRIO, edição de quarta-feira, 14

  1. Violencia Urbana. Está faltando um bom esquema para parar essa bandidagem e consolidar com um bom nó tático. Belém não merece essa clima de angústia.

  2. Esses meliantes são muitos folgados. Quando encurralados ainda se dão ao direito de fazer exigências, como colotes, presença de familiares, imprensa e outras. Para vagabundo pena de morte já.

    1. Só precisaria uma peda de uns 100 Kg no pescoço e soltar no meio do rio ou no mar, se conseguise escapar estava perdoado.

  3. Nem precisa tanto, basta política pública um pouquinho eficaz para diminuição considerável.

    Esses bandidinhos daqui são de meia-tijela, mas estão se organizando com a omissão do Estado.

  4. O que esta faltando em Pará é tudo, mais cadeias que vivem lotadas e assim homicidas são soltos em menos de 1 ano de prisão e voltam a fazer o terror nos bairros, box policiais em locais de alto risco, policiais com equipamentos novos, um governo mais atuante na segurança publica que hoje está um caos. Por que será que só os casos em que morrem pessoas de nome e que sao verdadeira mente julgado como do caso “bida” por que não julgam tambem dessa mesma forma o que aparece nas periferias de nossa cidade, brutalidades com crianças, idosos, gestantes e até moradores de rua.

    por que será?

  5. Bandido preso gera despesa que sai dos nossos bolsos, como são aos mihares, imaginem quanto fecha essa conta mensal. Fim incerto é a solução.

    1. Um bandido gera em torno de sesenta empregos diretos e indiretos, além de um custo muito alto para o bolso do cuntribuinte, eu acho que talvez o governo não faz uma politica mais eficaz para não acabar com tanto emprego, por isso o crime principalmente o organizado está cada vez mais sofisticado e audasioso onde os cidadãos de bem é quem são refens, pois não pode sair de casa a noite tem que ficar encarcerado na sua própia casa pra sobreviver.

  6. Outro assalto nesta 4a feira a tarde em uma clínica na Pedro Miranda terminado nos mesmos moldes, exigencis e rendição. Será que isso é brincadeira de polícia pega ladrão.

  7. Caro Gerson, faça uma enquete para sabermos qual seria o percentual relacionado a pena de morte ou não!

    Abraço…

Deixe uma resposta