Sob chuva, Remo derrota Paissandu

Por 2 a 1, o Remo venceu o clássico de nº 705 da história do Re-Pa, neste domingo, no estádio Edgar Proença, válido pela quarta rodada do returno do Parazinho. Marlon e Landu marcaram os gols remistas e Bruno Rangel fez o do Paissandu. O placar foi construído todo no primeiro tempo. Os remistas, mais agressivos nos primeiros minutos, chegaram ao gol num cabeceio de Marlon escorando cruzamento de Marciano, logo aos 3 minutos. Em seguida, num lance rápido, Gian quase ampliou. Aos 12 minutos, Tiago Potiguar cobrou falta, Adriano espalmou e a bola ainda bateu na trave. Aos 15 minutos, Gian bateu rasteiro e Fávaro salvou com os pés.

Veio, então, o empate do Paissandu. Aos 17 minutos, em cruzamento perfeito de Tiago Potiguar da esquerda, Bruno Rangel se antecipou a Raul e bateu para as redes. O jogo ficou mais equilibrado e o Paissandu continuou tentando o desempate. Aos 27 minutos, Moisés aparece finalmente em campo e recebe livre na área. Chuta forte, mas Adriano defende e a zaga afasta. O Remo, que parecia encolhido, arrisca uma saída ao ataque e chega ao segundo gol, aos 36 minutos. Marlon recebe pelo lado esquerdo da área e cruza. A bola resvala num defensor do Paissandu e é tocada de raspão por Landu, desviando de Fávaro.

Aos 38 minutos, um lance importante no jogo. Gian, que já tinha cartão amarelo, dá combate a Sandro junto à área do Remo. O volante força a jogada e o árbitro aplica o segundo cartão, expulsando o meia, sob protestos dos azulinos. Giba recompõe o setor de meio-de-campo, substituindo Marciano por Otacílio.

Na etapa final, com um a menos, o Remo volta recuado, aguardando o Paissandu em seu campo. Aos 7 minutos, a primeira grande chance de empate. Moisés recebe bola na área e bate rasteiro, a bola ia saindo mas Adriano ainda desvia. Charles troca Fabrício por Eanes, adiantando ainda mais o time na busca pela igualdade. Aos 17, cruzamento na área é rebatido pela defesa do Remo e Eanes bate de primeira, rasteiro, mas Adriano segura firme. No minuto seguinte, Cláudio Allax sai driblando e avançando rumo à área e fica frente a frente com Adriano. O chute sai à meia-altura e o goleiro pega.

Sob chuva forte desde o começo, o jogo é disputado mais na base do chutão. Charles promove a entrada de Zé Augusto no lugar de Alexandre, para pressionar ainda mais o Remo. Giba troca Fabrício Carvalho por Vélber. Aos 23 minutos, Sandro comete falta e reclama da marcação, acintosamente. O árbitro Marcelo de Lima Henrique aplica, então, o segundo cartão. Transtornado, o volante e capitão do Paissandu avança sobre o bandeirinha, xingando e culpando pelo recebimento do cartão. O árbitro se interpõe entre os dois, mas Sandro dá um empurrão no bandeira. “Você é remista…”, acusa. Agressivo, mesmo contido pelos companheiros, grita que o auxiliar só consegue apitar aqui no Pará.

O Remo substitui Marlon por Levy e o jogo volta a ficar parelho, com ataques de parte a parte, mas os times insistem nos cruzamentos aéreos, sem maior perigo para as duas defesas. Contundido, Tiago Potiguar é substituído por Marquinhos, mas o placar segue sem alteração até o final.

Com a vitória, o Remo passa a somar 9 pontos e assume o segundo lugar do returno, atrás do Águia, líder isolado com 12. (Fotos: MÁRIO QUADROS/Bola)

49 comentários em “Sob chuva, Remo derrota Paissandu

  1. Gerson, não gosto quando você se refere ao campeonato paraense como “parazinho”, acho que é menosprezo com a nossa competição mais importante.

    Curtir

  2. Relaxe, isto é apenas um blog, caro Antonyo. Cabe manifestar livremente o pensamento, desde que não ofenda a moral e a honra de ninguém. Procure lembrar que passei a usar essa alcunha depois que a rodada inicial ficou ameaçada pelas batalhas de tapetão motivadas por lambanças do regulamento. O apelido ganhou força quando o primeiro Re-Pa esteve ameaçado por (veja você) falta de local habilitado… Considero que o torneio está mais para “zinho” do que para “zão”, daí a denominação.

    Curtir

  3. Já está ficando manjado. A exemplo do ano passado, quando o Remo venceu o clássico para disputar a final do turno com o S. Raimundo, novamente temos outro resultado no mínimo estranho neste re-pa, onde estavam em jogo vagas para a quarta divisão e as semifinais . Diante de um Remo que nem precisou jogar bem, vimos um Paysandu irreconhecível. Onde estava o entusiasmo apresentado nas finais? Era evidente que a disposição do time não era a mesma. Moisés e Fabrício foram caricatos. Sandro, que jogava bem, pediu, suplicou ao árbitro para ser expulso, desperdiçando a vantagem de ter um homem a mais. Nunca vi jogador forçar expulsão desse modo. Quase todo o time atuou mal, com evidente desinteresse e extrema lentidão. Nos minutos finais do jogo a derrota parecia não incomodar o bicolor, recuado demais para quem estava atrás no placar. Ficam as perguntas: o futebol paraense está nivelado por baixo ou pesaram os intere$$e$ por uma finalí$$ima? A sensação foi a mesma do ano passado. Remo e Paysandu são mesmo irmãos siameses e a alardeada rivalidade dá lugar a solidariedade nos momentos críticos…

    Curtir

  4. Muito estranho mesmo o resultado de hoje. Apesar de não acreditar que todo o time “deixou” o remo ganhar. Mas que o Sandro implorou pra ser expulso, isso é inegável.
    Enfim, quem paga e sofre com essas “obscuridades” é o torcedor, que vai ver seu time, tecnicamente num momento bem melhor, desperdiçar a chance de ganhar do rival…

    Curtir

  5. Ficha, ficha 10 contra 1o é do Leão. Ohhh O MEU FREGUÊS VOLTOU Ohhh MEU FREGUÊS VOLTOUôôô….Tem que colocar mais uma vitória em cima da loba, essa é para os bocudos do blog que acham que tem um timaço, hehehehe, SAN NELES.

    Curtir

  6. Gosto quando o remo se sente assim!

    Verdadeiro pinto no lixo!!

    Lembra muito o primeiro turno!!

    Ele nada…, nada…, nada…, E, no final: NADA!!!!

    hehehe!!

    Curtir

  7. Que time é esse que vai disputar a série C eih, acho que vamos ter nova goleada que o Fortaleza quer dá volta por cima, não tem NADA para a loba qdo é 10 contra 10

    Curtir

  8. Desde ontem comecei a ficar cheio de ??????. Aqueles sete minutos finais entre Ananindeua e Independente, te contar. Sobre o REPA de hoje sem malícia posso assegurar que zebrou. O Paissandú teve o domínio do jogo, mas não teve competência para sobrepojar a postura de time pequeno que o Remo adotou, ao reconhecer a inferioridade e impondo a medida correta para sua realidade. Os outros clube que concorrem a vaga a D, não sei se ainda concorrem, fica a pergunta, por que insistem? Cametá pelo menos depende de si. já que enfrentou os espertos corretores imobiliários, mas tem o papão, aí é incógnita.

    Curtir

  9. Realmente os colegas comemoram vitórias, nós o título.

    O jogo teve um predomínio, tanto em tempo de bola como chances de gol, do PSC. O Remo ficou atrás o tempo inteiro e diferentemente dos jogos anterioroes não foi por que tinha um homem a menos ou pq estava na frente do placar, mas por que sabe de suas limitações defensivas. O time é fraco!

    O PSC me surprendeu pela soberba de alguns jogadores, passando a perna por cima da bola ou dando aquele toque a mais em lances que era só chutar ao gol. Diferentemente do primeiro REXPA.

    O que me incomoda vai ser ouvi de alguns que o Giba (treinador de fora) de um “nó” tático no Charles, quando na verdade o Charles mostrou que contra o fraco time do Remo é possível jogar até sem volante.

    Fica a lição para os jogadores, pois entendo que o Charles hoje botou o time para cima, REXPA é clássico, mesmo quando o time do outro lado é apenas um time mediano para os padrões do paraense.

    Devemos ser um pouco mais humildes e admitir que precisamos correr atrás da bola com mais sede, como foi na final do primeiro turno e como será nas finais do segundo.
    Abraço!

    Curtir

  10. Cadê o timaço?
    É triste ver um “timaço” que conta com um ataque fantástico, com o libertador(Craque do parazinho), um esquema de jogo quase de dar inveja….Um time que foi desclassificado pelo “poderoso” Palmeiras na copa do Brasil não conseguir vencer o fraco clube do Remo, abalado pela perda do 1º turno, com vitórias duvidosas, enfim…Será que é mesmo esse timaço ou ilusão???

    Curtir

  11. Quem perde para o “IDH de Melgaço” terá condição de empatar com quem? Só em um “guerreiro” o Giba consegue dar algum “nó tático”! Contudo, é possível que meu tio tenha razão: o futebol no Pará faz todo o sentido. Mantêm-se os arranjos para coincidir semifinais e finais entre Pay e filhosandu. Afinal, essa é a única fórmula “criativa” de receita ultrapassar despesa.
    Mas, nem tudo é decepção. Aquela insinuante senhora italiana pode vir a expor suas partes íntimas ao público de Roma.

    Curtir

  12. OOOOOOOOHHHHHHHHHH, O FREGUES VOLTOU….OOOOOOOOHHHHHHHHH O FREGUES VOLTOU…..2A1 FOI POUCO. SE ESTIVESSEMOS COM 11 SERIA 5A1.

    Curtir

  13. Enquanto isso a torcida remista continua iludida achando que tem o melhor time do mundo… é uma cegueira generalizada.

    Curtir

  14. Foi o jogo da desfesa (leoa) contra o ataque (Papão). Nada além disso. Prevaleceu o jogo dos medrosos.

    Mas foi bom, assim não caimos no erro do rival de nos acharmos imbatíveis. Nada melhor do que uma derrota para se cair na real.

    Mas o jogo, apesar do resultado, mostrou claramente que o Paysandu conseguiu chegar a um nível melhor de organização.

    O próprio giba admitiu a superioridade do bicolor, talvez por isso tenha se acovardado tanto. Mesmo quando estava 11 contra 11.

    No mais, vida que segue.

    PAPÃO!!! MAIOR CAMPEÃO DO NORTE DO BRASIL!!!

    Curtir

  15. Grande Gerson,
    Ratifico em todos os sentidos, no que se refere ao termo Parazinho, pois aqui no Pará se brinca de fazer futebol, e com um agravante extremo, NÃO É DE HOJE, respeitando as opiniões dos colegas

    Curtir

  16. Esses torcedores são sem noção, se jogou tão bem assim o time da loba pq não conseguiram ganhar?ou só ganham qdo estão com um jogador a mais hehehe……vou te contar!!Ela tá beba doida, ela tá beba doida, tá beba beba, tá doida sua loba…Agora o time tem SAN alguém viu o Moisés jogando ou ele foi substituido? Kd o Moises secador?

    Curtir

  17. Penso eu que o nosso futebol so não consegue crescer como o dos outros estados por causa dos bastidores vejam o exemplo do futebol paulista onde tem 2 equipes de ponta e 2 do interior, lá não deixam acontecer marmelada para ajudar o morto no hospital, lá eles enterram logo o finado, o contrario daqui do Pará, onde os clubes menores tem que se desdobrar para aparecer em situações de destaque, onde o São Raimundo foi um exemplo de um clube pequeno que se estrururou e conseguio ser campeão brasileiro mesmo com todas as dificuldades que enfrentou, e o Aguia que sempre faz frente aos grandes da capital. Mais sempre batem na trave, poque aqui existe a politica o bairrismo, onde todas as finais do campeonato paraense tem de ser entre Paysandu e Remo, e ao meu ver isso e uma injustiça contra as outras equipes. Hoje foi mais um exemplo do que acontece aqui em nosso fraquissimo futebol. Quem vem acompanhado o campeonato paraense 2010, não e louco de dizer que o time do Remo e superior ao do Paysandu, não porque sou torcedor do papão, mais e fato, o remo no inico do campeonato teve um bom momento devido todas as outras equipes ainda estarem se ajustando, montando suas equipes durante a competição, mais na medida que essas equipes começaram a se encorpar e se entrosar, o remo travou, por falta de qualidade e preparo físico. Ai hoje e notório a superioridade da equipe bicolor em todos os aspectos.
    O resultado do jogo de hoje pra mim, foi atípico a medida em que o remo teve apenas umas 3 boas chances na partida toda, e aproveitou em 2 chances, sendo que o segundo gol, o do Landu. Foi um achado porque saiu no momento em que o paysandu era muito superior ao remo já mandava no jogo e já estava empatada a partida, apartir daí so deu paysandu ate o final do 1º tempo, e continuando no 2º tempo, com raros lances do clube do remo, que eram chutões para cair nos pés do Landu, era so isso, traduzindo um time pequeno e mediocre, mais futebol e isso mesmo e bola na rede. E terá gente que ainda vai dizer que o remo foi melhor durante os 90 minutos deste RE-PA de nº 705.

    SAUDAÇÃO BICOLOR!!!

    Curtir

  18. Ei, manê o PSC e maior do que tu pensas cara, não venceu pq, era pro teu time vencer mesmo, sendo que tudo favoreceu o remo hoje, foi o Ananindeua que venceu o Independente em Tucuruí e o PSC, entregou ao meu ver o jogo, para que as finais o seu timizinho mediocre não fique de fora, coisas do futebol paraense, pq se dependesse das proprias forças, jamais vc’s chegariam a algum lugar com o time que tem, pois e um time pequeno, medroso, mediocre, invejoso, que se ficar falando aqui não acabarei de descrever oque e sua equipe, pois tem muito mais adjetivos…Um verdadeiro fracasso essa campanha do remo na adiministração de AK, e tem gente que disse que com esse time do PSC, na serie “C”, não terá chance, o que dizer então do reminho com este time do “bumba meu boi”, chuta pra frente e espera pra ver oque acontece…

    E outra coisa sofredor se vc perguntou do Moises, pq ele não fez nada, oque dizer então do Marciano, aguem viu ele em campo hoje atarde, acho que ele voltou para o planeta dele não foi!

    Na final eu já sei o resultado, PAPÃO CAMPEÃO!!!

    Curtir

  19. Verdade Eyder, eles agoram se acham os reis da cocada, mais todos nos sabemos que não e bem assim, com um resultado desse atipico. Quem nem eles mesmo esperavam, que nem compareceram como o Chatiado os chama de sofrenomeno azul, pq será que foram em numero reduzido, pq não acreditavam em seu priprio timinho?

    SAUDAÇÃO BICOLOR!!!

    Curtir

  20. Creio que o colega não deveria estar no Mangueirão ainda, quando o Marciano cruzou na cabeça do Marlon aos 3min., fazendo Remo 1×0.
    O serrote ficou cego hoje.!!!!!!!!

    Curtir

  21. André, já percebeste que o nosso Papão sempre se enrola quando joga contra time pequeno?
    Impressionante, né??..rsrsr!!

    Curtir

  22. Te situa ! O REMO fez 2 gols ainda com o gramado seco, imagina se não tivesse chovido? aí o choro seria maior…Perdeu, perdeu…O teu time não é essa maravilha não!
    Pena que o tempo está nublado, senão tu poderias colocar o teu travesseiro pra secar as lágrimas…ahahaha ! O FREGUÊS VOLTOU ! ! !

    Curtir

  23. Hoje é o dia da minoria dizer tudo o que tem direito. O pior do susto já passou, mas continuo lembrando que o 2º turno começa com o quandrangular e Independente e Cametá estão no páreo. Calma leão, foi só um descuido de teu domador.

    Curtir

  24. Não sejamos ingênuos.
    Ficou claro que o interesse maior está em ter o rival no quadrangular e de preferência nos dois jogos finais.
    Os clubes, a Federação e muita gente só sobrevive de RE X PA.
    Deixo a euforia para aqueles que tem o coração no lugar do cérebro.

    Curtir

  25. E impressionante como tem torcedores iludidos com seu time……. meu Clube do Remo tem um arremedo de time, que náo inspira confian;a nenhuma, somente a paixáo pelo time faz com a torcida ainda compare;a ao estadio. Agora dizer que a loba é superior infinitamente é piada, o que existe no futebol é momento e gol, nao importa o quanto um time atacou e o outro defendeu, o vale é bola na rede, e neste quisito o remo foi melhor, se vcs querem dizer que seu timeco foi melhor, so pq atacou mais, teve mais escanteios e etc, entao participem de torneio inicio. OOOOOOOOOO….O FREGUES VOLTOU…O FREGUES VOLTOU….OOOOOOO…..O LANDU VOLTOU….O LANDU VOLTOU…..OOOOOOOOOOO….O TERÇADO CEGOU…O TERÇADO CEGOU…OOOOO

    Curtir

  26. Ei Berlli,já disse para vc processar o IBOPE que colocou o LEÃO,com a maior torcida do norte do BRASIL,e vc vem dizer aqui que é o dia da minoria???
    Processe o IBOPE,E OLHA O INFARTO,hahaha

    Curtir

  27. umas das coisas que se tem que mudar , tambem, ea forma como muitos considerados cronistas desportivos , fasen suas analises , pois sao de forma declarada como torcedores e nao como analistas eu nunca vi voce faser um comentario que aludice um bom momento do remo , como fas do paissandu , se o remo vence e que o paissandu nao demostrou seu potencial, se perde foi a superioridade do papao , haaa vai te catar , e busca o cargo de acessor de emprenca do paissandu ou para de ser partidario , pois voce ja nao convence nimguem com tuas analises tendenciosas e partidarias.

    Curtir

  28. Nós não precisamos de Ibope para provar nada, só olhar nossas vitrines. Se quisesse ser maior torcida, torcia pro Flamengo.

    Torcida de meia tigela que se diz maior, mas quando o time mais precisa some das arquibancadas.

    É por isso que esse time de vcs não sai da lama!

    Curtir

  29. Engraçado a umas duas semanas atraz vc’s eram so lamurias, choros e muito mais, e agora estão se achando o ultimo biscoito do pacote, mais eu sei que no final esse biscoitinho será abocanhado pelo “Lobo Malvado”.

    “SAUDAÇÃO BICOLOR”

    Curtir

  30. Que lôba? Uma mucura bicholete isso sim. A única lôba foi expulsa no segundo tempo porque estava uivando alto demais chamando seu macho. Que doida essa sandra hein!

    Curtir

  31. os numeros ñ mente jamas, o REMO é o primeiro em renda e pública. portanto oLEÂO tem aa maior torcida do norte.reclamação e informação na delegacia mas próximo de vcs secadores, si precisa de lenço tem a venda no ver-o -peso.

    Curtir

  32. não tem ninguém realmente que faça cego enxerga qdo não quer vê, infelizmente esse é o caso dos passsandúúú, eles ainda não perceberam q nenhum títulos q eles ganharem vai fazer eles maior do que o “GRANDE REMO”,….. engolem essa, vcs sempre serão times de base pra sempre. “mucura bicholete”

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s