Jobson suspenso por dois anos

O paraense Jobson, ex-Botafogo, está afastado do futebol por dois anos. Ele foi punido em julgamento realizado na noite desta terça-feira pela 2ª Comissão Disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta do flagra nos exames antidoping a que o atleta foi submetido nas partidas contra o Coritiba (8 de novembro) e Palmeiras (6 de dezembro), pelo Campeonato Brasileiro do ano passado. Jobson estava enquadrado no artigo 2.1 do Código Mundial Antidopagem. Em seu depoimento, o ex-atacante do Botafogo causou surpresa ao declarar que havia se confundido ao afirmar, em uma entrevista, que teria cheirado cocaína. Na verdade, segundo o jogador, ele fumou crack mais de uma vez, mas não se lembrava quando foi a última. “Eu fumei crack, e não foi a primeira vez. Eu uso desde aquela época, mas nunca nunca caí no doping”, afirmou. No fim das contas, Jobson saiu no lucro, pois, se fosse enquadrado como reincidente, poderia ser banido do esporte.

3 comentários em “Jobson suspenso por dois anos

  1. Tem que ser banido mesmo do futebol, todo mundo sabe dos efeitos que o crack proporciona.

    Por isso, se eu fosse julgar o atleta, com seria o puniria com o banimento.

Deixe uma resposta