Drogba recebeu ameaças de morte em Cabinda

Do Folhaonline

O bósnio Vahid Halilhodzic, que dirige a seleção da Costa do Marfim, afirmou que o clima em Cabinda, sede do Grupo B da Copa Africana de Nações, lembra o da guerra que desintegrou a Iugoslávia e revelou que jogadores da equipe, inclusive o astro Didier Drogba, do Chelsea, foram ameaçados de morte. A província de Cabinda é um enclave angolano localizado entre Congo (Brazzaville) e a República Democrática do Congo. A região, rica em petróleo, é também a área de atuação das Flec (Forças de Libertação do Estado de Cabinda), que lutam por autonomia do território. O barço armado das Flec foi o responsável pelo atentado contra o ônibus da seleção Togo, na última sexta, que deixou três mortos. O ataque fez com que o time togolês desistisse da competição.

Disco traz gravações inéditas de Papa Jimi

Acabo de ficar sabendo, via Folha de S. Paulo, que, 40 anos depois de sua morte, 12 gravações de Jimi Hendrix serão lançadas pela primeira vez no disco “Valleys of Neptune”, que será lançado em março. “Valleys of Neptune” é resultado de gravações realizadas pela banda original do músico, Jimi Hendrix Experience, entre 1967 e 1970. Além da música que dá nome ao álbum, o disco ainda trará versões de clássicos como “Bleeding Heart”, de Elmore James, e “Sunshine of Your Love”, do Cream. Já estou na expectativa.

Paulão chega para ser o “xerife” do Papão

O zagueiro Paulão, que estava atuando no futebol da Finlândia, é o novo contratado do Paissandu. Desembarcou, junto com o meia-atacante Edson Pelé, e seguiu para a pré-temporada em Barcarena. Ambos chegaram já nas primeiras horas de sábado. Com isso, os reforços da segunda leva para 2010 já são 20, somando-se aos 24 da fase “Nazareno”. O catarinense (de Florianópolis) Paulo Eduardo, o Paulão, tem 24 anos, 1,87m de altura. Será a segunda vez que atuará sob o comando de Barbieri. “Já tive a oportunidade de trabalhar com ele no início da temporada de 2009, em Blumenau, interior de Santa Catarina, pelo Metropolitano”, conta. (Com informações do Bola)

Festa para Geraldo Bala, orgulho do Pará

Tudo parecia um filme, com desfecho emocionante, daqueles com direito a aplausos no final. O ciclista Geraldo da Silva Souza Júnior, de 29 anos, chegou a Castanhal, sua terra natal, ainda na sexta-feira à noite, depois de grande recepção no Aeroporto Internancional de Belém. O atual campeão da Copa América de Ciclismo foi direto para a Agrovila Boa Vista, onde moram seus pais e demais familiares. 
         
No retorno, Geraldo Bala, como também é conhecido, recebeu muitos telefonemas e cumprimentos pela vitória ocorrida no dia 3 deste mês no Autódromo Internacional José Carlos Pace, em São Paulo. Não era para menos. As imagens e o orgulho estavam mais vivos que nunca na população da Cidade Modelo. 
         
Todos lembravam com perfeição como o atleta, que defendeu a equipe do São Lucas Saúde/UAC, de Americana (SP), cruzou a linha de chegada de forma sensacional, atingindo o tempo de 2 horas, dois minutos e 38 segundos nas 20 voltas concluídas, o equivalente a 86 km. (Do caderno Bola/DIÁRIO)