Remo vai pagar salário de R$ 30 mil a goleador

Em entrevista ao repórter Paulo Caxiado, na Rádio Clube, o diretor de futebol do Remo, Lucival Alencar, revelou que o clube estabeleceu o teto salarial de R$ 30 mil para o artilheiro que será contratado. Aumentou, com isso, as possibilidades de trazer um nome mais badalado e, ao mesmo tempo, criou um problemão para o próprio clube: a partir de agora, qualquer jogador contatado vai querer ganhar R$ 30 mil ou mais.

25 comentários em “Remo vai pagar salário de R$ 30 mil a goleador

  1. Olá Gerson, tudo bom? FELIZ 2010.

    Essa questão do Remo pagar 30 mil por um artilheiro é uma faca de vários gumes, veja bem, não sei quanto é atualmente o salário mais alto pago na folha do futebol profissional mas creio que gire em torno de 7 mil reais, ai o Remo contrata um atacante e paga 30 mil pra ele, este pode até se adaptar ao grupo e adentrar ao que chamamos na administração de “organização informal”, mas nem todos vão aceitá-lo devido a diferença de salário, várias são as personalidades dentro de um plantel e sabemos que jogador de futebol é um sujeito complicado.
    Mas isso vai depender muito do jogo de cintura dos dirigentes azulinos e também não podemos esquecer que assim como pode dar certo, pode também não dar certo.

    Grande abraço

  2. Gerson, pra minimizar a incompetência dessa Diretoria, que ao invés de contratar um bom Técnico, está preocupada com um “atacante de peso”, peço aqui, a colaboração de toda a população de Belém, para indicar atacantes, para que os mesmos possam arrumar esse jogador. Por favor, vamos ajudar. É por uma boa causa(ou não). A que ponto chegou o meu time. Sinceramente.

  3. … rsrsrs …

    Hoje é PRIMEIRO DE JANEIRO e não PRIMEIRO DE ABRIL.

    … rsrsrs …

    Ééééégua do “APLIQUE” MAL REDIGIDO.

    … rsrsrs …

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK !!!!!!!!!!!!!!!!!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK !!!!!!!!!!!!!!!!!

    1. Para variar, você começa o ano já escorregando na elegância, meu caro. Mais respeito. Não há “aplique” na notícia, não trabalho assim. Lucival Alencar foi entrevistado, ao vivo, pelo P. Caxiado. Quanto à qualidade do texto você, seguramente, não é autoridade para avaliar/julgar ninguém. Não há limites na grosseria, mas educação é fundamental, não esqueça.

      1. Gerson para o MARCO ALENCAR, o silencio é a melhor resposta….no stress com ele, rs…

      2. Tem razão, caro Ed. Mas, como diriam aqueles líderes da “elite branca” paulista, CANSEI do mala. Esgotou a paciência…

  4. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…”Akemaste omedeto gozaimassu” pa vc Gerson e para tds os boleiros aqui do blog.

    Quanto ao Marcos. ele e’ igual a aqueles muitos caras de alambrado, que mesmo tendo uma visao boa, de qualquer parte do estadio ,prefere ver td atraves dos quadradinhos da net do goleiro.

    Mas e’ gente boa..agora a parteira!

    1. Feliz Ano Novo também, amigo cruzmaltino. Que 2010 signifique uma recuperação da gloriosa Águia guerreira.

  5. Tirando o mala, o amadorismo do cartola transcende a burrice. Impressionante o que ele pensa e fala. O pior e se o cara for campeao, o que dizer? Afinal, o Marcio Braga foi e o Horcades tambem. Se eles foram, ate o cartola azulino pode ser. Triste.

  6. Salário não quer dizer nada, tem muito bom e barato. Se fosse por isso tinha valido a pena o Bebeto. Sinceramente esse é um exemplo que nunca vai dar para esquecer, ruim demais!
    Feliz 2010 para todos e muito sucesso para o meu Leão!!

  7. A dificuldade da atual diretoria para contratar um atacante é porque os atuais diretores e principalmente o treinador não conhecm o mercado e não tem amizades no mundo fo futebol para indicar jogadores parqa o remo. O atacante Romulo que foi liberado pelo curitiba e que é irmaõ do zagueiro que o remo contratou podia ser um boa opção.

  8. Caro Gerson, essa do Reminho pagar 30 mil para goleador é antiga. Já não bastou os exemplos de Águia e São Raimundo ? Alguns tomam conhecimento da proposta num primeiro momento e podem até vir, mas sabem que só receberão na Justiça. Às vezes é melhor receber menos porem em dia. Em 02.01.10, Marabá-PA.

    1. Confere, Luís. A maioria dos jogadores foge da dupla Re-Pa justamente porque aqui o mês é bem mais longo do que em outras paragens.

  9. DEFESA DESNECESSARIA

    É preciso repensarmos a relação clube/imprensa para não sermos injustos com os setoristas que ultimamente sofrem críticas (muitas improcedente). Esses profissionais podem cometer seus erros de “caso pensado”, mas de um modo geral, não.
    O dia-a-dia deixa-os muito proximos das partes interessadas (dirigente, jogador, técnico e público) e issos torna-os confidentes (ahí mora o perigo) comprometendo a informação. Uma coisa é ser bem informado e a outra é partilhar a autoria da informação.
    Erros há e a imprensa também não é vestal.
    À imprensa o direito da informação e ao clube o direito da reserva. Ao público o respeito em mão dupla.
    Estabelecer limites é o mais recomendado para os profissionais da informação. O procedimento ético não é aprendido em compendios é sim auto-gestado.
    Muitos se incomodam quando os setoristas não massageiam seus egos e muitos deliram quando seus clubes são levados às alturas.
    Gerson, desculpe pelo abuso do espaço, ~faz tempo que tinha essa intenção.

    1. Você foi preciso, claro e ponderado, como de hábito, grande amigo Tavernard. De fato, essa relação dirigentes x setoristas é sempre muito complicada, em qualquer lugar do Brasil.

  10. Estou vendo todos jogando pedra antes do jogador,(que ainda não se sabe qual é) chegar,até porque,não se pode medir competência com salário,
    Para um juíz de direito,um advogado renomado,um engenheiro famoso ganhar o que ganha,eles estudarão durante anos,penaram pra caramba para ter seus privilégios conquistados.
    Não tenho por que criticar salários,pois não é o ele que vai mostrar a competência do profissional,é sim, qualidade na profissão que escolheu
    Jogador paraense merece todos os louros por ser a salvação do futebol regional, mas deve ter a conciência de que para ganhar altos salário deve mostrar qualidade é rodagem no futebol nacional,para jogar no corithians,palmeiras,santos não basta ser paulista,tem que ter qualidade
    por esse motivo vou aguardar a chegada do atacante antes de critica-lo só pelo salário que ganhará.

  11. SE É PARA TRAZER JOGADOR DE PESO, TRARIA O VIOLA OU O JARDEL, POIS COM CERTEZA TERIA REPERCURSÃO NACIONAL E AINDA AJUDARIA NO PROJETO SOCIO TORCEDOR. UM ABRAÇO.

  12. o tao gerson ai do blog e paysancu todo mundo sabe mais sabem tambem que o remo esta com um time de qualidade entao nao adianta ele secar o remo pois o remo e time de tradiçao .

Deixe uma resposta