Pré-candidato, Almir não pára de falar

Trechos da curiosa e reveladora matéria assinada pela repórter Rita Soares, a partir de conversa com o ex-governador Almir Gabriel, que o DIÁRIO publica na edição desta quarta-feira, 30.

Artimanha

Evitando usar a palavra traição, Almir disse ter sido surpreendido com o acordo entre Jatene e Mário Couto.  Disse que chegou a ouvir da direção nacional do partido e do próprio presidente do diretório estadual no Estado, senador Fernando Flexa Ribeiro, que não haveria a festa no sábado, 14, organizada pelos partidários de Jatene. Um dia antes, contudo, o acordo foi anunciado na imprensa e a festa acabou acontecendo no domingo dia, em que Almir redigiu um bilhete à mão e ditou por telefone para a reportagem do DIÁRIO. “O PSDB foi trouxa de escolher de jeito informal o candidato antes dos outros. Botarem as cartas na mesa”.

Eleições 2006

Revivendo os dias da campanha de 2006, quando Almir Gabriel foi derrotado para Ana Júlia Carepa, o ex-governador garantiu que só foi candidato porque Jatene não quis entrar na disputa, dividido que estava a entre a música, a vida intelectual e a política. “Não foi um favorzinho”, disse Almir.

Faltou “porrada”

Com os políticos e jornalistas com quem tem conversado Almir tem batido na tecla de que é preciso buscar uma nova forma de fazer política no Pará deixando de pensar na dicotomia entre bem e mal. “É preciso ler a política sob várias nuances. Não quero ficar nessa de Jatene versus Almir. Hoje, quem é PT acha que Ana Júlia é o bem. Quem é Jatene acha que ele sim é o bem e vice-versa”. Para Almir, essa é uma forma atrasada de fazer política. Pelos cálculos do ex-governador, o Pará poderia saltar da 23ª posição para a sexta entre as maiores economias do País. Isso em apenas duas décadas e meia. A renda per capta anual de R$ 4 mil poderia chegar a R$ 6 mil nesse período. E para isso, bastaria utilizar bem os recursos naturais do Estado – minério, madeira, água, sol e terra. Indagado sobre o porquê de não ter posto essa idéia em prática já que ficou no governo durante oito anos, Almir admitiu que faltou mais “porrada”.

Sobre Jader

Outro mito que segundo Almir era preciso desfazer é o de que tem diferenças irreconciliáveis com o presidente do PMDB no Pará, deputado federal Jader Barbalho. Para ele Jatene também teria dificuldade numa composição já que deixou de cumprir acordo com Jader e ainda trabalhou para encolher a bancada peemedebista na Assembléia Legislativa. (…) “A minha discordância (com Jader) foi na hora da fundação do PSDB”, explicou Almir já que os tucanos surgiram de uma dissidência do PMDB – partido que no período da abertura política abrigou todas as correntes que lutavam contra a ditadura militar. Na opinião de Almir o mito de que odiava Jader foi criado porque para o deputado era muito mais fácil negociar com Jatene. “O Jatene é primário em termos de fazer política. O Jader tem pós-graduação”.

12 comentários em “Pré-candidato, Almir não pára de falar

  1. Gerson acho que o PSDB está bem servido de candidato ao governo do estado, porém acho que Almir Gabriel, já tem uma certa idade, enquanto que Jatene parece um pouco mais jovem.

    Também acho o Mario Couto um bom canditado, ví alguns pronunciamentos dele na TV Senado, se fosse ele o escolhido e eleito o Pará também estaria bem servido.

    Mas queria mesmo que fosse eleito novamente era o Deputado Federal Jader Barbalho, não gosto de vê-lo apenas como o fiel da balança.

    Acho que merece uma nova chance, para o bem do Pará.

    Sobre Jader, no dia 29/10/1986, encontrava-me no gabinete de um então deputado estadual e ele fêz o seguinte comentário: “… é preciso ter muito cuidado com esse rapáz, ele é o maior político que o Pará já teve depois de Magalhães Barata”.

    PS. O então deputado, era de oposição.

    Curtir

  2. Almir diz que o PSDB foi trouxa, ao anunciar seu candidato em uma reunião informal. Mas, ele não foi igualmente trouxa ao acreditar no Flexa Ribeiro, quando este disse que não haveria mais festa?

    Curtir

  3. Infelizmente, são todos farinha do mesmo saco: Almir, Jatene, Couto, Jader, Ana Júlia e tantos outros. O povo paraense parece que não cansa de ser enganado, será que só existem esses nomes, esses partidos, capazes de governar (mal) esse estado? cadê a democracia? O Pará tem os representantes que merece.

    Curtir

  4. Almir, como de praxe, está externando sua contumaz pequenez, típica dos rancorosos. Volte às orquídeas, ex-governador e aproveite o novo amor, não esquecendo do necessário Ciallis…

    Curtir

  5. Em tempo, não é só de Política que o Jáder é Pós graduado, seguem outras especializações:

    – Peculato.

    – Improbidade.

    – Enriquecimento ilícito.

    – Desvio de verba pública.

    – Etc, etc, etc….

    Curtir

  6. “Faltou Porrada!”…rsrsr!

    Que piada!!

    Oito anos de governo e o estado só fez for ir pro buraco, inclusive criando tendências para emancipação!

    Sem falar na lei kandir empurrada na goela (pra não dizer outra coisa) do Almir Gabriel que aceitou sorrindo, sepultando a economia do estado, simplesmente porque era um puxa-saco do FHC, coisa que o Aércio Neves não fez, mesmo sendo do partido!

    A verdade é que nossos políticos são uns bandos de puxa-saco dos sulistas, aceitam tudo em troca de migalhas, mesmo que isso prejudique a economia de uma unidade federativa inteira!
    Que vão pro Inferno! …Todos eles!!

    Curtir

  7. Alberto, ele está sendo injusto consigo mesmo, afinal porrada foi o que não faltou durante seu (des)governo de 8 anos… a matança de Eldorado dos Carajás que o diga…

    Curtir

  8. Maciel, o velho tá podendo. Foi ele mesmo quem anunciou seu novo amor com a jornalista trintona. Como eu não sou o Leão lobo, que cada um coma o que goste. Só acho que o cavalo velho anda muito rabugento para quem está comendo capim novo. Outra coisa, vamos deixar a demonização do Jáder para o pessoal da 25 de Setembro.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s