“Mala branca”: Barueri afasta jogadores

Da ESPN

A diretoria do Barueri optou por afastar do elenco o goleiro Renê e o atacante Val Baiano nesta sexta-feira, um dia antes da partida contra o São Paulo. Os dois jogadores falaram durante a semana sobre um possível incentivo financeiro do Cruzeiro para que a equipe paulista vencesse o Flamengo – a vitória de fato aconteceu, na quarta-feira.

Depois de emitir nota oficial condenando a prática e garantindo que haveria apuração e, em caso de confirmação, punição aos envolvidos, o Barueri agiu de maneira preventiva nesta sexta. Segundo a direção do clube, a intenção do afastamento é apenas preservar a imagem de Renê e Val Baiano.

A coisa começa a entrar no terreno do exagero. O afastamento dos jogadores, sem qualquer culpa provada, só põe lenha na fogueira. E finge ignorar o quanto a prática do “doping financeiro” é comum no país do futebol.

4 comentários em ““Mala branca”: Barueri afasta jogadores

  1. Inventaram aquela história de mala branca do Cruzeiro já planejando afastar os jogadores Val e Renê para favorecer o São Paulo. Tem é mala preta na história, isso sim

Deixe uma resposta