Os 100 anos do Coxa

 coritiba12102009_2

 

Show de fogos, grito da torcida, parabéns e muita festa. A vigília no Estádio Couto Pereira foi sucesso e marcou a virada do dia 11 para o dia 12, momento em que o Coritiba comemorou seu primeiro Centenário. Foram quase 10 mil pessoas que compareceram ao Alto da Glória e fizeram uma festa inesquecivel para o esporte paranaense.

Como o mais tradicional clube do Estado, o Coxa convocou seu torcedor para comemorar o seu aniversário de 100 anos no Alto da Glória. A galera se concentrou na área social do Estádio desde 22h e aguardou ansiosamente a chegada da meia-noite.

Campeão brasileiro, o primeiro time do Paraná a estampar a estrela dourada no peito, o Coritiba completa nesta segunda-feira 100 anos de fundação sem chances de levantar um caneco neste momento histórico. O campeonato estadual passou, a Copa do Brasil explodiu na trave, a Copa Sul-Americana ficou nos pênaltis e o Brasileirão parou na falta de elenco. Mas o clube pode dizer pelo menos que, em 2009, vem cumprindo o papel de time encardido.

Na cambaleante temporada do centenário, a torcida ainda respira fundo quando o assunto é rebaixamento. Mas ao mesmo tempo é capaz de se orgulhar dos golaços de Marcelinho Paraíba e vibrar com os atropelamentos do atacante argentino Ariel Nahuelpán, que tão bem interpreta o papel da raça operária, identidade guerreira do clube fundado em 1909. (Da ESPN)

F-1 terá mais um ano de Barrichello

aa228717-6f1e-3efd-b6d3-15ca6fa488b5

Rubens Barrichello assinou com a Williams em Monza e defenderá o time de Grove no ano que vem. A notícia exclusiva foi publicada neste domingo no site Grande Prêmio, de Flavio Gomes. É a sexta equipe de sua carreira. Barrichello estreou na Jordan, passou pela Stewart, Ferrari, Honda e Brawn para finalmente chegar a um time que sempre teve estreita relação com o Brasil (correram pela escuderia José Carlos Pace, Piquet, Senna e até Antonio Pizzonia).

A decisão de sair foi tomada em consequência de decisão previamente assumida pela Brawn de não ficar com ele em 2010. Assim, o possível campeão e número 1 em 2010, Jenson Button, se não teve até agora, terá prioridade nas duas últimas corridas da temporada.
O companheiro de Barrichello na Williams deve ser o alemão Nico Hülkenberg, atual campeão da GP2 e piloto de testes do time. Hülkenberg é empresariado por Willi Weber, que já declarou esperar a promoção de seu pupilo.

Barriquebra terá mais um ano para atirar roscas e molas na cabeça de desavisados… hehe.

Mascherano pediu para Peru amolecer

413fbf70-b6ef-31ad-9906-02d7fa495382

O meia Palacios, do Peru, disse que alguns atletas argentinos pediram aos rivais que facilitassem a partida disputada no último sábado. “O Mascherano me disse que a situação deles era complicada e que deixássemos de correr. Ele queria que o jogo acabasse logo [quando estava 1 a 0 para a Argentina e o Peru pressionava]. Disse a ele que me encantaria deixá-los ganhar, mas que não podia fazer isso porque fizemos uma eliminatória ruim”, afirmou.

Com a vitória por 2 a 1 sobre o Peru, a Argentina tem vantagem sobre Uruguai e Equador, as outras seleções que disputam a última vaga direta da América do Sul no Mundial-2010. Martin Palermo (foto) fez o gol salvador, aos 47 do segundo tempo, em flagrante impedimento. O time bicampeão mundial obtém na quarta-feira a classificação para a Copa da África do Sul sem depender de outros resultados caso derrote o Uruguai, em Montevidéu. Mesmo um empate deve ser suficiente, desde que o Equador não goleie o Chile, fora de casa. (Da ESPN)

Jogo via internet bate recorde

Da ESPN

A derrota por 1 a 0 da Inglaterra para a Ucrânia, sofrida neste sábado, em Dnepropetrovsk, foi responsável pela maior audiência no Reino Unido de um evento vendido pelo sistema “pay-per-view” e transmitido ao vivo pela internet. A empresa Kentaro, que detinha os direitos de transmissão, estima que meio milhão de pessoas tenham acompanhado a partida em frente a um computador.

A jogo foi válido pela penúltima rodada das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo de 2010. A Inglaterra, líder do Grupo 6, já estava garantida na África do Sul. A iniciativa de transmitir o jogo pela internet surgiu da falência do canal Setanta, que transmitiria a partida. A Kentaro então também comprou os direitos, mas decidiu não aceitar nenhuma proposta para exibir o jogo na televisão.

O ingresso virtual para assistir ao confronto foi vendido pela Kentaro a cerca de 250 mil espectadores, resultado na audiência total. Os internautas que compraram o jogo há mais tempo pagaram 8 euros (R$ 20), enquanto os que decidiram apenas em cima da hora tiveram que desembolsar até 12 euros (R$ 30). Além da internet, a partida também foi transmitida em uma rede de cinemas britânica.

Círio perde batalha da mídia

Não é algo que se possa comprovar cientificamente, mas já é visível a olho nu. Todos os anos, no dia do Círio de Nazaré, a mídia nacional dedica muito mais espaço e atenção às celebrações no santuário de Aparecida, em S. Paulo. Aqui e ali surge uma notícia tímida sobre a procissão de Belém, mas nota-se a preocupação em ressaltar o evento paulista.

É normal, até certo ponto, se levarmos em conta a tradição de menosprezo por tudo que não se circunscreve ao eixo Rio-S. Paulo, mas é um absurdo jornalístico. Nenhuma outra manifestação religiosa (esportiva ou cultural, também) no mundo reúne tanta gente num ato ao ar livre. Apenas por esse aspecto a homenagem à Nossa Senhora de Nazaré já mereceria mais visibilidade.