Kaká ajuda a reconstruir templo

99382d63-694e-35f5-a3fe-20844327e9a5

O meia-atacante Kaká participou nesta quarta-feira, em S. Paulo, de um evento diferente. Foi prestigiar a assinatura do contrato para reconstrução do templo da igreja Renascer que desabou em janeiro passado, matando nove pessoas e deixando mais de 100 feridas. Ao lado do casal de bispos Sônia e Estevam Hernandes, o camisa 10 da Seleção cantou e orou, juntamente com a esposa Caroline, pastora da igreja. Nas investigações sobre o desabamento do templo, a Polícia constatou que houve negligência por parte da direção da igreja, o que levou à queda do teto.

O meia-atacante do Real Madrid recebeu permissão da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) para deixar a concentração da seleção em Salvador e voltar para seu clube. Antes de seguir para Madri, o jogador foi hoje à sede de sua igreja, o mesmo local onde se casou, para o lançamento da pedra fundamental de um novo templo. Kaká rezou de mãos dadas com o casal de bispos Estevam e Sonia Hernandes, líderes da Renascer, que lideraram um culto com a presença de quase mil pessoas.

O casal Hernandes também é conhecido por seus problemas com a Justiça. Em janeiro de 2007, Sonia e Estevam foram detidos no aeroporto de Miami por tentar entrar nos Estados Unidos com mais de US$ 50 mil não declarados escondidos em uma Bíblia e em outros objetos.

6 comentários em “Kaká ajuda a reconstruir templo

  1. As igrejas pentecostais como a do Kaká tem como única fonte de elevação o Espírito Santo de Deus e os atos de elevar o olhar e as mãos para os céus tem a ver com essa ligação direta. Falam diretamente com Senhor e se por ventura alguma coisa não deu certo (como o desabamento do teto e a morte de fiéis foi porque essa era a vontade do Senhor ) os mortos já estão no reino de Deus e não houve nenhuma falha humana porque os designios de Deus são imutáveis

  2. Somente espero uma coisa , que o templo mantido por Dunga e Jorginho siga de pe’, e que a gente traga o Copo, depois………
    Agora, probleminhas com a dona JUSTA??? no Brasil de Meu DEUS! pouca gente “considerada” nao os tem.

  3. Tudo bem que, cada um com o seu cada qual, mas os jogadores de futebol vulgarizaram a ação de levantar as mãos para o céu buscando alcançar, quem sabe: amenidade de suas falhas ou até mesmo glorificar a Deus. Kaká é mais um desses cavilosos a imaginar que aquele público presente nos estádios está procurando o imortal, Jesus Cristo. Um charlatão; se erra um passe levanta as mãos para o céu, se acerta o gesto também é executado e se olha para a torcida faz o sinal da cruz e em seguida levanta as mãos para o céu, são gestos que passaram a ser automáticos em um jogo em que ele participa. É claro que esses gestos não são exclusivos de Kaká, mas como a postagem é referente à sua igreja, eis aí, o motivo do enfoque desta.

Deixe uma resposta