Na coluna do Guilherme

Tucupi preto 

Fez o maior sucesso em recente evento gastronômico, realizado em São Paulo, o nosso famoso e inconfundível tucupi. Só que preto, e foi levado para a festival por um chef de cozinha amazonense. No Amazonas, o tal tucupi preto também é servido com saúvas no lugar de camarão. Os glúteos delas, salvo engano. Eu, hein! 

Haja paladar 

Para se conseguir escurecer totalmente o tucupi o caldo tem que ser fervido à exaustão. A receita do tucupi preto com saúvas está na edição deste ano do livro “Paladar – Cozinha do Brasil”. 

(Leia mais na coluna impressa, no DIÁRIO desta quarta-feira, 17/06)

Cuca sob fritura

O Flamengo inova outra vez. Criou a figura da demissão a médio prazo. Seus dirigentes informaram ontem que, caso Cuca resolva pedir o boné, o clube tem dois candidatos preferenciais para a função: Geninho (poxa, mas logo o Geninho…) e Sérgio Guedes, do Santo André.

Que a cartolagem especule e até faça sondagens é mais do que normal. O problema é espalhar aos quatro ventos que o clube já está buscando um substituto para o treinador. Imagine a segurança com que Cuca vai trabalhar todos os dias, sabendo que existem dois caras engatilhados para o seu lugar.

Deve ser a tal moderna gestão de pessoas…

Roberval x Bonamigo

Pela Série B, vejo agora na TV um confronto entre dois ex-técnicos azulinos. A Portuguesa de Desportos, de Paulo Bonamigo, recebe no Canindé o Brasiliense de Roberval “Taylor” Davino. Por ora, equilíbrio total: os times se equivalem nos erros, trombadas e chutes descalibrados.

Em tempo: Roberval levou a melhor no duelo, pois o Brasiliense venceu por 1 a 0 e se aproximou do líder Guarani na tabela.

Opinião de ex-boleiro

Caro amigo Gerson,
Tenho escutado alguns comentaristas e acho que inclusive você, a respeito de o campeonato local (Paraense) não ser parâmetro para a Série C. Porém, o nosso querido Águia de Marabá está “desmontando” essa tese. Senão vejamos:
1- O Águia não chegou a nenhuma final de turno no paraense.
2- Esse mesmo Águia não contratou nenhum jogador de fora (os que contratou, disputaram o campeonato local), e ainda perdeu jogadores importantes como Aleilson e Flamel.
3- E como alguns comentaristas já andam antecipando, o Águia está praticamente classificado, mesmo faltando mais da metade de jogos da 1ª fase.
 
Pelo que tenho acompanhado, acho que times como São Raimundo, Castanhal e o próprio Remo fariam mais bonito que muitos clubes outroras tidos como “carne de cabeça” (Sampaio, CRB etc.). Não veja isso como uma crítica, mas como uma constatação. Admiro muito seu trabalho, pois você (incluo também aí o Castilho e Ruy Guimarães) que realmente não se deixam levar apenas pela emoção quando dos seus comentários, e parabéns pelo BOLA.
 
Paulo Sérgio Bentes (ex-ponta-esquerda de Paissandu, Remo, Tuna, Santa Cruz, Ponte Preta, Campinense, São José-AP e Macapá-AP)

Uma opinião de respeito, pois vem de quem já esteve lá, como diria o Sílvio Luís. Paulo Sérgio, além disso, foi um grande ponta, dos mais técnicos que o Pará revelou nos anos 80/90. Tem crédito e suas observações são bem-vindas.

A insegurança é geral

Antecipo foto que será publicada amanhã, no caderno Bola, na coluna diária de Ronaldo Porto e Giuseppe Tomaso  sobre a Copa das Confederações. Ronaldo, acostumado à barra pesada de Belém, ficou surpreso com a recomendação do comitê organizador na África do Sul para que os jornalistas e radialistas evitem andar sozinho nas ruas à noite e não usem equipamentos eletrônicos. Todo cuidado é pouco. A foto abaixo foi tirada com frentistas do posto de gasolina na estrada entre Bloemfontein e Pretória, sob muito frio, como dá para perceber.

ron

Real faz liquidação de estoque

Essa é boa e devia servir de inspiração para alguns clubes brasileiros, que precisam arranjar bons jogadores no mercado. Segundo o jornal “The Guardian”, o Real Madrid enviou fax a diversos clubes ingleses com a relação dos jogadores que estão à venda de seu elenco. Os atacantes Robben e Van Nistelrooy são os destaques da lista. Após gastar cerca de 160 milhões de euros com as contratações de Cristiano Ronaldo e Kaká, o Real busca arrecadar dinheiro para buscar novos reforços.

Os outros nomes da lista de “negociáveis” merengue são os do lateral Heinze, do volante Mahamadou Diarra, dos meias Sneijder, Van de Vaart e Drenthe, e do atacante Saviola. De acordo com “Guardian”, o Real está disposto até a aceitar empréstimos. Isso porque os gastos salariais do clube são muito altos. Juntos, os nove “negociáveis” custam mais de 20 milhões de euros (R$ 54,1 milhões) por temporada.

Com boa lábia, de repente o Real libera um desses caras a preço de ocasião, rachando os custos de salário.

Fifa rejeita queixa do Egito

Do Folhaonline:

A Fifa rejeitou nesta terça-feira a queixa formal do Egito sobre o pênalti que deu a vitória ao Brasil por 4 a 3 na estreia das equipes pelo Grupo B da Copa das Confederações, na segunda, em Bloemfontein, na África do Sul. Segundo a entidade, o árbitro não contou com ajuda externa para marcar a penalidade do zagueiro Ahmed Al Muhamadi, que tirou a bola com braço em cima da linha do gol após chute de Lúcio, no último minuto do tempo regulamentar.

Webb, em princípio, não marcou o pênalti, apontando apenas escanteio. A decisão foi seguida por seu auxiliar. Após pressão dos brasileiros, Webb voltou atrás e anotou a penalidade, convertida por Kaká. “A Fifa se apoiou em todas as evidências disponíveis, que incluem a súmula do árbitro Howard Webb e as explicações posteriores do mesmo”, informou a entidade em comunicado publicado nesta terça-feira. A Fifa considerou que a decisão de dar o pênalti “foi tomada depois de um trabalho de equipe efetuado entre o árbitro principal e seu assistente número um, Mike Mullarkey, que confirmou ao árbitro ter visto claramente a falta”.

Ess nova… Dona Fifa jamais admitiria que o árbitro se baseou em imagens de TV, embora isso tenha ficado claro pós  conversa entre Webb e o quarto árbitro. Além do que, a queixa é do Egito. Se fosse uma Alemanha, França ou Itália, a coisa teria um outro peso, infelizmente.

O rolo da transmissão

Ainda sobre a transmissão do jogo de domingo entre Paissandu e Rio Branco pela TV Cultura, o leitor Ricardo Camarão alerta para alguns possíveis equívocos nessa situação. “A Funtelpa afirma em nota que detém a exclusividade de transmissão dos jogos da Série C do Papão e outros até 2014 e que o contrato foi assinado pelos 8 clubes do Paraense/2009 e a FPF. Ocorre que a Série C é uma competição coordenada pela CBF e não pela FPF, além do que o Rio Branco do Acre não assinou nenhum contrato com a Funtelpa para o uso da marca Rio Branco e a consequente transmissão de seu jogo com o Paissandu”, observa.

E cita o artigo 81 do Regulamento Geral das Competições (RGC) da CBF: “A transmissão para TV das partidas das competições, de forma direta ou vídeo tape, só poderá ser realizada mediante prévia e expressa autorização da CBF, salvo se o assunto estiver formalmente definido através de contrato firmado entre as partes legitimamente envolvidas”.

Ricardo conclui dizendo que, “caso o Papão suba para a Série B, duvido que esse contrato até 2014 autorize a transmissão dos jogos do clube pelo canal 2 de Belém”.

Moda pra inglês ver

rio

Começou com Beckham, depois chegou até Cristiano Ronaldo. Agora é a vez de Rio Ferdinand, capitão do Manchester, que entrou na onda metrossexual durante as férias em Israel. O zagueiro dos Diabos Vermelhos ousou no estilo fashion e usou um minúsculo short com uma camiseta colorida em dia de sol. No começo do mês, Cristiano Ronaldo apareceu com um visual despojado: uma camisa pólo azul e um short branco colados ao corpo. Isso sem contar o boné rosa e a flor na orelha.

Definitivamente, os ingleses sempre foram chegados num floreio, mas o certo é que não se faz mais boleiro como antigamente.